Ancoradouro

A Petista Marta Suplicy tem direitos políticos cassados por ato de desonestidade

336 1

A Ministra da Cultura Marta Suplicy  (PT) foi condenada por desonestidade pela justiça de São Paulo por atos quando foi prefeita no período de 2001-2005 . A petista teve seus direitos políticos suspensos por três anos e deverá pagar multa correspondente a cinco vezes o valor que recebia quando estava a frente do Executivo municipal.

Petista tem direitos políticos cassados por três anos.

Petista tem direitos políticos cassados por três anos.

No segundo ano de mandato,em 2002, Marta Suplicy  contratou sem licitação a ONG GTPOS (Grupo de Trabalho e Pesquisa em Orientação Sexual) por R$ 372.119,19. Segundo denúncia apresentada pelo  juiz Alexandre Jorge Carneiro da Cunha Filho, da 1ª Vara da Fazenda Pública da capital paulista, Marta foi uma das fundadoras da entidade. ”  A contratação ilícita levou ao favorecimento da entidade, que, em sua origem, teve relações estreitas com a chefe do Executivo local”, afirmou o magistrado.

A Organização Não Governamental foi contratada ilicitamente para desenvolver campanhas sobre planejamento e disseminação da contracepção na Zona Leste de São Paulo.

 

 

Recomendado para você

1 comentário

  • Bel e Anderson disse:

    Infelizmente, até mesmo por respeito ao blogueiro e leitores, não posso dizer exatamente o que penso desta pessoa condenada por ato de improbidade. Uma anti católica confessa e inimiga da Igreja.

    Que todos saibam que a Igreja que está de pé nos últimos 2.000 anos jamais pode ser vencida.

    E esta mesma Igreja já assistiu as quedas de inimigos bem mais poderosos.

    Te cuida Macedo !!!

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *