Ancoradouro

Padre Zezinho define gritaria mundial sobre incêndios na Amazônia como “histérica”

51044 37

O presidente francês Emannuel Macron, as celebridades  Gisele Bundchen, Madonna, Cristiano Ronaldo e Brad Pitt foram algumas a publicarem  foto antiga de  queimada na Amazônia como se fosse atual.  Objetivo apenas um só,  criticar o atual Governo  brasileiro sugerindo-o como culpado  dos incêndios, recorrentes nesse período do ano, devido à umidade relativa do ar na região que se assemelha à do Deserto do Saara. Boa parte da imprensa, por sua vez, divulga imagens de queimadas, obtidas pelo satélite, da parte Amazônia Boliviana como se fosse no Brasil. Nem se desculpam com os seus leitores e telespectadores. Não à toa cresce a desconfiança na imprensa oficial.

Políticos, celebridades e seguidores espalham fotos de queimada antiga na Amazônia como se fosse recente.

No efeito manada, os seguidores repercutem  as imagens, apenas no disparate de fazer barulho e proliferar  discurso lacrador todo ideologizado. Quem se posicionou como um oásis de lucidez perante a situação foi Padre Zezinho, cantor, escritor e uma das mentes mais sensatas do país. “Esta gritaria mundial é histérica”, classificou o sacerdote da Ordem dos padres do Sagrado Coração de Jesus. Prosseguiu em seu pensamento: “Não vejo ninguém culpando Trump pelos incêndios na Califórnia, nem o Governo Português pelos incêndios em Portugal “.

“Continuarei a cantar “AMAZÔNIA, É PROIBIDO QUEIMAR E MATAR“ mas sei que tudo não começou apenas há seis meses”, diz ao padre, ainda ao explicar o que muitos ongueiros não sabem ou insistem em desinformar para proveitos políticos. “Há o fenômeno natural da seca nestes meses e há o crime dos que intencionalmente fazem queimadas”. O texto chega ao coração da mensagem: “Assim como não culpei nem FHC, nem Lula,nem Dilma, nem Alkmin, não culpo Bolsonaro . Eu não odiava os outros presidentes e não odeio Bolsonaro “.

“Bom senso ajudará a ler a mídia, determinada em arrasar com o Bolsonaro . Todos sabem das dívidas impagáveis de alguns inimigos do atual presidente! Não votei nele , nem em Haddad, mas se Haddad tivesse ganho, os incêndios continuariam ,até porque o país não tem como controlar o clima nem a maioria dos incendiários que querem tudo, menos que a atual democracia dê certo . Querem outro regime político no Brasil“, especula o padre que foi precursor na música católica no país.

O texto é terminado de forma lapidar: “no Congresso e no Judiciário estão alguns dos maiores incendiários…”.

Recomendado para você

37 Comentários

  • Audilia Margarida de Souza disse:

    Pe. Zezinho falou tudo de forma sábia e sem medo de expor a verdade.

  • Luzia disse:

    Pe. ZEZINHO DEUS CONTINUE TE ABENCOANDO E FORTALECENDO SUA SABEDORIA. O SENHOR É VERDADEIRAMENTE UM GUERREIRO DE DEUS

  • Ricardo disse:

    Resido na Amazônia há 35 anos e jamais vi coisa igual. Talvez Padre Zezinho não saiba que Bolsonaro, acho que mal intencionado, reduziu o número de fiscais do Ibama na época de estiagem da Amazônia. É bom lembrar que os fazendeiros e madeireiros sempre foram contidos pela fiscalização neste período, reduzindo significativamente as queimadas. Mas não foi isto que ocorreu este ano logo no início da estiagem, os fiscais desapareceram facilitando e favorecendo a agressão à floresta.

  • Moacir Francisco Rodrigues disse:

    Me permita o Pé. Zezinho, assinar em baixo tudo que ele falou… Concordo em grau, gênero e número. Ah! Em dobro.

  • Diana de Sousa disse:

    Bravo querido e sensato homem , a culpa n desse nem daquele mais todos tem um pouco de culpa e ninguém se acusa só acusa.

  • LUZINETE SOUZA disse:

    Como é prazeroso ler algo num blog seguro e ainda comentado pelo AMADO PADRE ZEZINHO

  • Genair Vieira disse:

    Homem sério, em suas reflexões!!!

  • José Antônio de Sousa Neto disse:

    Poxa padre Zezinho, desculpa hein..mas decepção……ainda bem que começou a gritaria… nao é de hoje, mas por exemplo, muito foi destruído no passado e nao tínhamos a força das novas formas de comunicação, o senhor mesmo, graças a elas tem seu grande trabalho divulgado, além do que, nao tínhamos um governante com um olhar tão extremista para causas sociais….

  • Clarice Cerqueira disse:

    Meu povo, a pessoa que escreveu isso fez jornalismo na mesma faculdade que o Olavo de Carvalho fez filosofia né

  • Adriane Aragão disse:

    O que o Pe. Zezinho falou é de grande sensatez e sapiência. Deve-se observar os dois lados da moeda antes de se posicionar.

  • Sueli disse:

    Me desculpa Padre Zezinho, te admiro muito, mas li a reportagem do papa Francisco dobre os insendio na Amazônia, é muito triste que o senhor pense ao contrário, defendendo esse governo, que defende o agro negócio, esse mundo capitalista que nos mata todos os dias!!!
    Que tristeza padre Zezinho com seus comentários
    Luto pela preservação do meio ambiente, morei na lida da rosa até meus 27 anos, hoje ensino meus alunos a nao jogar nada no chão, para não poluir!!!
    A amazônia é nosso pulmão e é preciso cuidar dela
    como cuidamos de nossa casa.

  • Eu Matheus, Cristao Convicto, CONCORDO com o Senhor e Pregador da Palavra de DEUS, o Grande Ser Humano Padre Zezinho, sabiamente homem de DEUS, capaz, inteligente e Grande Profeta. Parabéns meu Irmão em Cristo o Senhor sempre Autêntico é Verdadeiro. Nós Brasileiros dignos e que desejamos o Bem de nossa Nação, temos que enfrentar estes Abençoados de Deus, que porém seguem o Encardido. Só olham seus interesses pessoais e de sua turma.
    Padre Zezinho, peço a tua Bênção e vamos continuar DEUNCIANDO estes Hipocritas e Ladroes da nação BRASILEIRA.

  • María de Fátima Almeida disse:

    Sabemos que as queimadas nao são recentes, mas se ampliam agora com a convivência do governo federal. Sinto muito padre Zezinho, a quem admiro e respeito muito, se prestar para fazer esses comentários ao invés de reforçar as vozes dos que defendem a Amazonia querida!
    Vamos lutar pelo patrimônio que tão bem faz à humanidade. Deus nos guarde!

  • Zilda disse:

    Claro padre ,o presidente não colocou fogo na Amazônia, mas através da burrice dele de perder o dinheiro de quem ajudava a combater o desmatamento e com esse dinheiro se pagaria para ajudar a deter a queimada.
    O Sr padre não está enxergando o louco está dirigindo o Brasil.
    Aliás o Sr deve saber que ele só protege a igreja evangélica, se até o papa que é um santo homem se pronunciou.

  • Marlene Moraes disse:

    Decepcionada c Pe Zezinho a quem sempre admirei. Me constrangem essas suas opinioes. Musicas carregadas de amor e de defesa dos pequenos e dos pobres e o q se constata? Defesa do pior presidente q o pais ja teve!!!!

  • Maria Elza da cruz disse:

    Parabéns Padre Zezinho somos seus seguidores há 40 anos adoramos sua maneira de Evangelizar sua Sabedoria e um dom Divino o Sr. E iluminada pelos espíritos Divinos .adoramos o Sr e seguimos onde estiver mas somos Cristãos filhos de nossa Senhora , mas, não somos da religião Católica

  • Karina disse:

    Maravilhoso!

  • Júlio disse:

    Deplorável padre Zezinho fazer uma declaração defendendo esse lixo de governo …. desaprendeu o que pregou a vida inteira . Decepção

  • Célio José Rodrigues disse:

    Muito sensata a opinião do Padre Zezinho….

  • Rui disse:

    Pensei que o grande Pe. Zezinho conseguisse enxergar a culpa da política de Bolsonaro nas queimadas na Amazônia. Sabemos que toda a culpa não cabe à esse momento, porém ele, o Bolsonaro, nunca escondeu isso. Sempre disse que não respeitaria reservas indígenas, mesmo sabendo que esses povos são responsáveis pela preservação das florestas do país, sempre se colocou a serviço do agronegócio, os latifundiários do século 21. Zezinho se isso for verdade minha admiração por você, que carrego desde a infância, acabou. “Quem tem olhos que veja!”

  • Marli Cândida da Silva disse:

    Engraçado que o senhor não se manifestou com as milhares de mentiras absurdas desse atual governo para enganar os eleitores, sobre a eleição ganha baseada no ódio, na exaltação a ditadura, na bandeira principal de campanha que foi o armamento, num próprio candidato sem currículo e sem nenhum histórico em 30 anos na política que defendesse os mais necessitados como a nossa igreja mais apela. Daí agora o senhor vem em defesa de um sujeito sem nenhum escrúpulo sem cuidado nenhum com o povo e nem com o país. O senhor me envergonhou Pe Zezinho, sinceramente.

  • Calu disse:

    Concordo com quase tudo que foi dito, pe. Zezinho. A questão foi a negação dos fatos e a forma debochada com que o assunto foi tratado. Sem falar da indignidade que tal comportamento é para um chefe de Estado. Até o nosso.

  • Joamilton Viana disse:

    Ao Pe. Zezinho o meu enorme respeito e apreço. Não culpo os demais presidentes nem Bolsonaro, entretanto ambos não intensificaram, como devia, estratégias de combate a incêndios nesse período mais seco, onde a prevalência de incêndio se dá com maior pontualidade. Ainda, não podemos fingir que as palavras de Bolsonaro no início de seu governo, criticando a atuação do IBAMA, e se comprometendo no afrouxamento das leis ambientais. Parece se fazer obvio que as palavras do chefe maior da nação contribuíram para estimular a posturas criminosas de garimpeiros, grandes madeireiros e latifundiários.

  • Aldilene disse:

    Meu querido Pe. Zezinho, quanto bom senso em suas posições sejam elas políticas, ideológicas. Desde criança sou fã das suas músicas que nos fazem refletir muito, mas também de seus posicionamentos principalmente sobre família. O País precisa te ouvir mais. É isso aí, precisamos torcer para que o país dê certo e os mais pobres por sua vez sejam ouvidos. Deus te abençõe. Sua bênção.

  • Angela Maria Machado Pires disse:

    Concordo plenamente com o Padre Zezinho ,chega de tentar derrubar o Bolsonaro, se Deus é com ele quem será contra ele ,reflitam pense bem a muitos anos estão acabando com a Amazônia e só agora a mídia tá mostrando ,golpe agora tem nome mídias mentirosas,gente antes de julgar vai investigar ,fica a dica

  • Sergio disse:

    Economize seu tempo para defender um governo indefensável. Não podemos criticar ex-presidentes por problemas atuais, então não há como eximir o Sr. Bozo de sua culpa e ele é sim em parte CULPADO pelo que está ocorrendo, reduziu verbas de programas de combate a incêndios, reduziu verbas do Ibama, tem um discurso totalmente CONTRA o MEIO AMBIENTE. Ele é culpado SIM. Vá rezar por ele Pe. Zezinho e não fique defendendo-o defenda a floresta e os animas já que pelo visto despreza as populações atingidas pelo estrago dos incêndios.

  • Marlize disse:

    A igreja católica deveria posicionar-se assim. Mas infelizmente temos uma cnbb no comando e um fake papa no geral. Triste realidade!!

  • Helio Leite Rosa disse:

    Padre Zezinho! O problema é que os outros presidentes tinham ciência de que a ” nossa” AMAZONIA ,. é patrimônio da HHHUMANIDADE

  • André disse:

    Concordo plenamente com Padre Zezinho. Cego é aquele que finge não ver, não saber, não ouvir, por causa do entorpecimento ideológico adoecido.

  • Antônio Alves dos Santos disse:

    Pe. Zezinho verdadeiramente embaixador de Deus, homem de mente aberta e pura, coração aberto ao Amor divino, promotor da paz. Nosso eterno trovador da Glória de Deus. Que este santo sacerdote continue muitos anos com saúde cantando as maravilhas da criação, na conquista do amor e da Paz.

  • Valdeci Freitas disse:

    Por que a Amazônia é vital para o mundo?

    A Floresta Amazônica produz imensas quantidades de água para o restante do país e da América do Sul. Os chamados “rios voadores”, formados por massas de ar carregadas de vapor de água gerados pela evapotranspiração na Amazônia, levam umidade da Bacia Amazônica para o Centro-Oeste, Sudeste e Sul do Brasil. Esses rios voadores também influenciam chuvas na Bolívia, no Paraguai, na Argentina, no Uruguai e até no extremo sul do Chile. 
    Reportagem de DW Brasil
    https://www.dw.com/pt-br/por-que-a-amaz%C3%B4nia-%C3%A9-vital-para-o-mundo/a-40315702

    Encruzilhada: especialistas explicam o que acontece com a Amazônia

    Especialistas ouvidos pelo Correio dizem que esses dados são o primeiro resultado da política ambiental do governo Bolsonaro, que, por meio do afrouxamento da fiscalização, estimula a degradação da vegetação. Pós-doutor em economia e meio ambiente e professor da Universidade Federal do Pará (UFPA), André Cutrim diz que grupos locais, que antes se sentiam intimidados com a fiscalização, agora pressionam a fronteira florestal.
    Reportagem de Correio Braziliense
    https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/brasil/2019/08/24/interna-brasil,778847/amazonia-chegou-no-limite-especialistas-respondem.shtml

    Card. Hummes: modelo atual de desenvolvimento da Amazônia é reedição do colonialismo

    Em edição deste sábado (24), o jornal vaticano L’Osservatore Romano repropôs um extrato do livro do cardeal brasileiro, Dom Cláudio Hummes, sobre a Amazônia e os novos modelos de desenvolvimento para deter os predadores da floresta. “Um dos problemas cruciais para proteger a Amazônia e os povos que habitam a floresta surge, precisamente, do modelo de desenvolvimento adotado atualmente, imposto pelas autoridades públicas e pelos interesses das empresas privadas. Trata-se, basicamente, de um modelo que se expressa como uma reedição do colonialismo.”
    Reportagem de Vatican News
    https://www.vaticannews.va/pt/igreja/news/2019-08/cardeal-claudio-hummes-livro-amazonia-osservatore-romano.html

    Apelo da CNBB: “Levante a voz pela Amazônia”

    Em seu documento, os Bispos da CNBB afirmam: “O povo brasileiro, seus representantes e servidores têm a maior responsabilidade na defesa e preservação de toda a região amazônica. O Brasil possui significativa extensão desse precioso território, com o rico tesouro de sua fauna, flora e recursos hidrominerais. Os absurdos incêndios e outras criminosas depredações requerem, agora, posicionamentos adequados e providências urgentes. O meio ambiente precisa ser tratado nos parâmetros da ecologia integral, em sintonia com o ensinamento do Papa Francisco, na sua Carta Encíclica Laudato Si’, sobre o cuidado com a casa comum”.
    Reportagem de Vatican News
    https://www.vaticannews.va/pt/igreja/news/2019-08/apelo-cnbb-levante-voz-amazonia.html

    Moro autoriza envio da Força Nacional para combater desmatamento

    O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, autorizou hoje (24) o uso de efetivo da Força Nacional para apoiar o Instituto Nacional do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) no combate ao desmatamento ilegal no Pará e em Rondônia. A autorização está em uma portaria assinada pelo ministro e terá validade até 31 de outubro. O efetivo que será usado na operação ainda não foi definido, segundo a pasta. 
    Reportagem de Agência Brasil.
    http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2019-08/moro-autoriza-envio-da-forca-nacional-para-combater-desmatamento?amp

    Amazônia por Carlos Nobre, o bom-senso vence as bobagens

    O elemento inovador da terceira via é propor trazer para o seio da floresta e das comunidades as modernas tecnologias que lhes propiciarão enorme poder de gerar novos conhecimentos.
    Reportagem do Mar Sem Fim.
    https://marsemfim.com.br/amazonia-por-carlos-nobre-bom-senso-afinal/

    ***
    “Nenhum homem nessa terra é repúblico, nem zela ou trata do bem comum, senão cada um do bem particular.

    Frei Vicente de Salvador, 1630.

  • janetecaregnato91@gmail.com disse:

    O que se pode comentar diante de tantas evidências, mas se esquecem de temer a fúria de Deus, quantas catástrofes e o povo só se preocupa com o seu umbigo

  • Maria das Gracas Meira Costa disse:

    Obrigada, P. Zezinho por nos dar esses exclarecimentos.

  • Guilherme Pinto disse:

    Leio com espanto tais declarações. Só não sabia das intenções do atual governo, quem não viu suas falas e entrevistas, deixando claro o que pensava sobre as terras indígenas e quilombolas. Assim como seu apoio aos Ruralistas, os tais incendiários e Desmatadores, que fizeram ampla campanha para o presidente e tem uma boa representação não só no congresso e no senado, como no próprio planalto.
    Basta os erros dos cristãos que se deixaram fotografar com sinal de arminha nós templos religiosos

  • Sou seu admirador, de suas canções, pregações e posicionamento político.
    Também não tenho ódio de Bolsonaro, mas ele é contrário à vida, ao meio ambiente saudável. Ele é um louco! Usou toda a máquina de fake news para chegar ao poder, e agora quer ficar para sempre.
    Está errado.
    Meu abraço em Cristo Jesus
    Joaquim Lopes Saraiva

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 + 19 =