Blog do Vozão

Ceará x Bahia – Hora de voltar a vencer

462 14

Ceará x Bahia – Hora de voltar a vencer (Foto: Cearasc.com/Divulgação)

Já são quatro jogos sem vencer, sendo dois deles jogando em casa. Traduzindo isso para o que interessa, que é somar pontos, dos últimos doze disputados o time só somou três, e, pra quem tem em suas pretensões escapar do rebaixamento, por mais que tenha havido evolução no desempenho dentro de campo, isso não é nenhum pouco interessante, por isso a vitória nesta partida passou a ser encarada como uma obrigação.

Como até aqui tudo tem sido na base de muita dificuldade, pra variar o Vozão vai ter que superar alguns obstáculos para conseguir os três pontos, entre eles os desfalques de peças importante para o time, e o principal, melhorar sua capacidade ofensiva.

Edinho, Arthur e Leandro Carvalho, todos suspenso, serão os desfalques. Juninho Quixadá, Samuel Xavier, o recém contratado Ricardo Bueno e Robinho, que retornou de empréstimo, serão peças que Lisca poderá contar para esta partida. O treinador não definiu o time, mas tudo indica que não deverá inovar na escalação e deverá manter a mesma proposta de jogo dos jogos anteriores, por isso creio que as peças deverão ser trocadas ao estilo seis por meia dúzia.

Samuel Xavier retorna a lateral e Fabinho ocupa a vaga de Edinho, Juninho Quixadá retorna ao time na vaga de Leandro Carvalho, com Calyson permanecendo como titular, e Ricardo Bueno fará sua estreia ocupando a vaga de Arthur. Éverson; Samuel Xavier, Tiago Alves, Luiz Otávio e João Lucas; Fabinho, Richardson, Ricardinho e Calyson. Juninho Quixadá e Ricardo Bueno, essa deve ser a provável escalação para esta partida.

Acho que nem preciso mais dizer que a presença do torcedor na partida é importante, pois o apoio vindo da arquibancada tem funcionado como combustível para o time dentro de campo. Portanto, é essencial que o apoio durante os noventa minutos seja incessante. Não podemos mais desperdiçar pontos dentro de casa sob o risco de ver nossas chances de permanecer na Série A diminuírem. Está na hora de voltar a vencer!