Clube da Luta

Cearense Pepey lamenta vaias do público, mas se coloca à disposição para revanche com Miltinho Vieira

Adversário de Pepey, Miltinho Vieira não aceitou a decisão dos juízes. Foto: UFC/Divulgação

Godofredo Pepey foi protagonista de uma das lutas com resultado mais polêmico do UFC São Paulo. Num duelo equilibrado, em que ele e Miltinho Vieira alternaram bons e maus momentos no combate, o cearense foi declarado vencedor por decisão dividida dos juízes. O público presente ao Ginásio do Ibirapuera discordou do resultado e vaiou bastante em alto som a decisão dos árbitros.

Pepey não se deixou abalar, comemorou a vitória e deixou um recado: está à disposição para uma nova luta contra Miltinho para ‘tirar a prova’.

“Ganhei por decisão dividida, poderia ser a favor do adversário. Mas, se tiver alguma dúvida, podemos lutar de novo. Estou lutando contra qualquer um. Eu vim aqui para isso. Sou um guerreiro de Deus, não estou aqui para “arregar” para ninguém. Acho que o segundo round me deu vantagem. Fiquei cinco minutos batendo nele, ganhei por 10 a 8. O terceiro round foi dividido, ele estava cansado e me colocou para baixo, então não consegui trabalhar nada. Eu vi que estava cansado, não estava dando golpes que machucassem. E eu estava no gás e estou aqui para lutar por mais cinco rounds”, comentou o lutador cearense, em entrevista ao site do canal SporTV.

Em relação às vaias do público, Pepey garante que dará a volta por cima e que ainda fará com que os fãs brasileiros admirem o seu trabalho. “Eu respeito a torcida. Às vezes, apoia a gente. Em outras, dá as costas. Eu estou aí para conquistar o público brasileiro. Quero mostrar que eu mereço”, disse o lutador, que só luta com o cabelo tingido.

HISTÓRICO

A vitória contra Miltinho Vieira foi a 1ª de Pepey no UFC em duas oportunidades. Em sua estreia, acabou derrotado pelo também cearense Rony Jason na final do TUF Brasil, em Belo Horizonte, em junho do ano passado.