Clube da Luta

Lyoto Machida tem pela frente Phil Davis, o americano que pretende finalizar o carateca no UFC Rio 4

Se vencer Davis, Machida deve lutar pelo cinturão

Se vencer Davis, Machida deve lutar pelo cinturão

Além de José Aldo x Zumbi Coreano, que fazem o duelo principal do UFC Rio 4, em agosto, outra grande luta estará presente no card principal do evento. O brasileiro Lyoto Machida enfrenta Phil Davis no combate co-principal da noite. O americano está tão confiante que revelou seu desejo de como quer terminar o embate: finalizar Machida.

A luta será muito importante para Lyoto Machida e Phil Davis. Quem vencer, vai ganhar moral dentro da categoria. Para o brasileiro, a vitória no duelo significa uma chance de lutar pelo cinturão dos meio-pesados. Para o americano, se ele vencer Lyoto, dará um passo enorme na carreira e ficará mais perto de uma disputa pelo título.

O americano tem apenas uma derrota na carreira. Seu algoz foi Rashad Evans. No currículo de Phil, vitórias contra nomes conhecidos do MMA, como Minotouro, Tim Boetsch, Brian Stann e Alexander Gustafsson (atual desafiante do cinturão de Jon Jones), o colocam entre os 10 melhores dos meio-pesados. O curioso é que Davis nunca perdeu para um brasileiro no MMA: além do Nogueira, ficaram pelo caminho Wagner Caldeirão e Vinny Magalhães.

Ousadia e confiança marcaram o discurso de Davis sobre a luta contra Lyoto. “O que faz Lyoto Machida ser um lutador único é a sua efetividade em nocautear adversários que vão em sua direção. Qualquer um que vá a seu encontro é punido. Minha estratégia é jogar a isca para ele. Meu plano é ir para o Rio de Janeiro e finalizá-lo, conquistando mais uma vitória dessa forma na minha carreira”, disse Phil.

Davis fez uma boa leitura do jogo de Machida. Ele sabe que se bobear nas tentativas de quedar o brasileiro, pode ser nocauteado. Phil é um ótimo wrestling e, dificilmente, seu adversário consegue se manter em pé durante toda a luta. Porém, não terá tarefa fácil pela frente, já que Lyoto tem uma boa defesa de queda. Machida sabe desse ponto forte de Phil e deve se movimentar ainda mais durante o combate para não ser surpreendido.

O jogo de Lyoto é em pé. O carateca tem uma ótima movimentação, na qual lhe ajuda a surpreender seus adversários. O contragolpe de Machida é um dos mais perigosos do UFC e Davis sabe disso. Cada um tem suas armas expostas, quem souber usá-las melhor, vai sair do octógono vitorioso.

UFC 163 (UFC Rio 4)
3 de agosto de 2013, no Rio de Janeiro
CARD PRINCIPAL
José Aldo x Chan Sung Jung
Lyoto Machida x Phil Davis
Cezar Mutante x Thiago Marreta
Thales Leites x Tom Watson
John Lineker x José Maria ‘No Chance’
CARD PRELIMINAR
Vinny Magalhães x Anthony Perosh
Amanda Nunes x Sheila Gaff
Serginho Moraes x Neil Magny
Ian McCall x Iliarde Santos
Rani Yahya x Josh Clopton
Ednaldo Lula x Francimar Bodão
Viscardi Andrade x Bristol Marunde

Recomendado para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *