Clube da Luta

Novamente castigado, Cigano é nocauteado por Velasquez, que segue campeão do peso-pesado do UFC

290 2
Velasquez castigando o brasileiro. Foto: Getty Images

Velasquez castigando o brasileiro. Foto: Getty Images

Uma luta para não deixar mais dúvidas: Cain Velasquez é o melhor peso-pesado do UFC na atualidade. De forma soberana e contundente, o americano impôs um duro castigo ao longo de 22 minutos de combate diante Júnior Cigano, até conseguir o nocautear o brasileiro no 5º round, na luta principal do UFC 166, disputado na madrugada de sábado para domingo, em Houston – Texas, nos Estados.

Com a vitória, o americano fecha a trilogia contra Cigano com o placar de 2×1 e segue ostentando o cinturão em uma das categoria mais duras do Ultimate.

A LUTA

Velasquez pressionou Cigano do começo ao fim. E venceu os cinco rounds sem margem para discordâncias. Sempre dominando o centro do octógono, mostrou sua ‘caixa de ferramentas’ de todas as formas: na trocação, nas cotoveladas, nas tentativas de queda, na luta de solo e no grand and pound. Em cada um desses fundamentos, deixou o brazuca semi-nocauteado e semi-finalizado em alguns momentos.

Por sua vez, Cigano só se defendia e abusou do direito de só ficar escorado na grade, suportando as investidas do americano. No 5º round, já combalido e bastante surrado, não resistiu a uma sequência fulminante de Velasquez e desabou. O americano foi pra cima para liquidar a fatura e encaixou dois socos antes da interrupção do árbitro.

Velasquez segue campeão. Foto: Getty Images

Velasquez segue campeão. Foto: Getty Images

RESISTÊNCIA

Apesar da postura defensiva, Cigano, a exemplo do que havia feito no duelo anterior contra o algoz (em que foi derrotado por decisão unânime), mostrou poder de resistência aos seguidos ataques do americano ao longo dos cinco rounds. Mais determinando que na vez passada, contudo, não foi páreo para um Cain Velasquez melhor condicionado.

Cigano terminou a luta com o rosto bastante afetado pelos golpes, com os dois olhos praticamente fechados pelos inchaços e sagrando bastante, sobretudo pelas cotoveladas aplicadas pelo seu oponente.

A Cigano, resta voltar pra casa com a certeza de que precisa mostrar muito serviço para ganhar uma nova chance de disputar o título. E mais ainda para derrotar Velasquez.

Veja o momento em que Cain Velasquez foi novamente coroado com o cinturão:
[youtube]http://youtu.be/QIC9_GuId9g[/youtube]

RESULTADOS DAS LUTAS DO UFC 166

Card principal
Cain Velásquez derrotou Júnior Cigano por nocaute técnico no 5º round
Daniel Cormier derrotou Roy Nelson por decisão unânime dos jurados
Gilbert Melendez derrotou Diego Sanchez por decisão unânime dos jurados
Gabriel Napão derrotou Shawn Jordan por nocaute técnico no 1º round
John Dodson derrotou Darrell Montague por nocaute técnico no 1º round

Card preliminar
Tim Boetsch derrotou CB Dollaway por decisão dividida dos jurados
Hector Lombard derrotou Nate Marquardt por nocaute técnico no 1º round
Jessica Eye derrotou Sarah Kaufman por decisão dividida dos jurados
KJ Noons derrotou George Sotiropoulos por decisão unânime dos jurados
Adlan Amagov derrotou T.J. Waldburger por nocaute técnico no 1º round
Tony Ferguson finalizou Mike Rio com um triângulo de mão no 1º round
Andre Fili derrotou Jeremy Larsen por nocaute técnico no 2º round
Kyoji Horiguchi derrotou Dustin Pague por nocaute técnico no 2º round

2 Comentários

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *