Clube da Luta

Dana White revela que Ronda Rousey não deve lutar no UFC

O presidente do UFC, Dana White, disse em entrevista coletiva na última terça-feira, 28, que não quer ver mais Ronda Rousey lutando no octógono do UFC e afirmou que ela se recusa a encerrar sua carreira, passando por diversos testes antidoping realizada pela Usada, agência que controla o programa antidopagem da organização.

Longe dos octógonos e dos holofotes desde dezembro quando foi derrotada por Amanda “Leoa” Nunes, Ronda Rousey tem se dedicado a projetos pessoais e aos treinos de wrestling profissional. Em meio a rumores de que estaria perto de estrear no WWE, evento de lutas coreografadas, sucesso nos EUA, ela não demonstra nenhum interesse em retornar ao MMA, mesmo sem está oficialmente aposentada.

“A Ronda tem esse negócio, que acredito que seja por que ela se tornou uma grande estrela: ela cumpre o seu trabalho. Ela não está pronta para dizer eu desisto; não está pronta para dizer, “parei”. Ela não funciona como todo mundo, descobrimos isso durante os anos”, afirmou.

“Ronda conquistou tudo o que queria, e agora ela quer ter uma vida pessoal e aproveitar tudo o que conquistou. Ela trabalhou desde que era criança, lutando pela medalha olímpica e depois em se tornar campeã mundial. Ela conquistou tudo o que queria fazer, ganhou dinheiro pra caramba, e agora quer viver”, completou Dana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *