Discografia

Belle and Sebastian volta eletrônico em novo disco

BelleandSebastianGirlsinPeacetimeWanttoDanceQuem estava ligado nas novidades musicais durante os anos 1990, certamente, lembra do Belle and Sebastian. Um dos nomes mais populares da cena indie internacional, o septeto escocês fez fama entre o público mais descolados com discos feitos de melodias doces, que contavam histórias, e algumas manias onde os fãs adoravam procurar segredos escondidos. Um deles é o fato da banda se negar a aparecer nas capas, recorrendo sempre a imagens que seguiam um padrão de desenho e cor.

Quase tudo isso foi mantido em Girls in peacetime want to dance, 10º álbum do grupo recém-lançado pelo selo LAB344. As 12 faixas do disco mantém boa parte da fofura que elevou o Belle and Sebastian ao posto de banda preferida dos garotos descolado de mais de 20 anos. Como novidade, o sucessor de Write about love chega com uma pegada mais eletrônica que emula bandas como New Order, Coldplay e Erasure. Isso garante ao repertório momentos dançantes, como Enter Sylvia Plath ou Play for today.

Em geral, nada merece destaque em Girls in peacetime want to dance. A coleção de melodias é correta e se encaixa bem nos vocais nostálgicos de Stuart Murdoch. Nem as participações especiais de Sarah Martin (The power of ove e The boo of you), Stevie Jackson (Perfect couples) e Dee Dee Penny (Play for today) chamam muita atenção. Para os fãs mais fieis, o disco vai agradar por não se afastar muito do que já era esperado. Já aqueles ouvintes que não têm muita intimidade com a banda não devem se empolgar tanto quando perceberem que, hoje em dia, fazendo esse tipo de som, já existem outras várias bandas iguais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.