Educação

Brincadeira ajuda no desenvolvimento saudável das crianças

2212 3

08queimadaO ato de brincar contribui para o desenvolvimento saudável e equilibrado dos pequenos. Mais do que uma simples diversão, o lazer é uma forma da criança pesquisar, aprender e descobrir novas possibilidades, além de experimentar papéis sociais diferentes e ampliar a interação com os outros.

Especialistas garantem que a brincadeira ajuda a formar adultos menos violentos e pessoas mais criativas. A assistente social e coordenadora da Associação Brasileira pelo Direito de Brincar, Marilena Flores Martins, explica que a brincadeira traz diversas vantagens. Nela, são trabalhados conceitos como limites, regras, direitos e deveres, que são questões presentes em qualquer aspecto da vida. Quando a criança respeita isso na hora da diversão, aprende a respeitar também em seu cotidiano.

Para a coordenadora, aqueles que brincam, especialmente na primeira infância, período que vai do nascimento aos seis anos, desenvolvem melhor suas habilidades sociais.

Direito– O direito à brincadeira e ao lazer ainda não é integralmente respeitado no Brasil, apesar de ser um direito assegurado pelo artigo 227 da Constituição.

O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) expressa como parte do direito à liberdade brincar, praticar esportes e divertir-se. Assim, colaborar para que as crianças tenham acesso à brincadeira não é dever apenas dos governos e dos pais, mas também de todos os cidadãos.

Atuar para que esse direito seja assegurado é colaborar para o cumprimento das leis.

Fonte: Correio Brasiliense (DF); A região (BA)

Recomendado para você