Educação

Desafio dos estados é valorizar o salário do professor

Orientação do Ministério da Educação, neste ano, diz que a remuneração mínima de um educador de nível médio, que cumpra jornada de 40 horas semanais, deve ser de R$ 1.187,08.

Este valor representa um aumento de 15,85% em relação ao piso do ano anterior. Há dois anos, desde que foi promulgada a Lei do Piso (Lei 11.738/2008), o governo federal tenta fazer com que estados e municípios invistam na valorização do professor.

Porém, não existem dados concretos sobre o alcance dessa lei, já que o piso é definido pelos estados. Levantamento do jornal Brasil Econômico mostra que a maioria dos estados consegue pagar um valor superior ao piso para docentes graduados.

Uma das metas do novo Plano Nacional de Educação é ter todos os professores da educação básica com formação específica de nível superior.

Fonte: Brasil Econômico (SP)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 2 =