Educação

Brasil tem 82 escolas de primeiro mundo em áreas pobres

Entre mais de 40 mil escolas públicas do Brasil, 82 se destacam pela excelência em meio à pobreza. As instituições atendem alunos que estão entre os 25% mais pobres do país e conseguem atingir no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) média igual ou superior a 6 – considerada pelo Ministério da Educação (MEC) como de nações desenvolvidas. O levantamento, feito pelo economista Ernesto Martins Faria, da Fundação Lemann, e o jornal O Globo, identificou que o resultado não é fruto do acaso. Nessas instituições, é notável o esforço da direção e dos professores em corrigir as deficiências na aprendizagem e os problemas de frequência assim que detectados. Também chamam atenção os professores estimulados, o bom ambiente escolar com raros casos de indisciplina.

Fonte: O Globo (RJ)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *