Educação

Cartilha vai orientar atenção à síndrome de Down no SUS

633 1

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, lançou o primeiro manual com diretrizes de atenção às pessoas com síndrome de Down destinadas aos profissionais do SUS (Sistema Único de Saúde).

A meta é orientar médicos, fonoaudiólogos, assistentes sociais e outros. “É como se fosse um protocolo para que os profissionais de saúde saibam como diagnosticar e acompanhar pessoas que têm síndrome de Down.

Para que saibam, por exemplo, quais vacinas elas também devem tomar”, disse o ministro. Entre as orientações voltadas para os especialistas está a forma de comunicar o nascimento de uma criança com síndrome de Down. Também há informações sobre exames complementares, como o cariótipo, ecocardiograma, hemograma, TSH (hormônio estimulante de tireoide) e hormônios tireoidianos (T3 e T4).

Fonte: Folha de S. Paulo

1 comentário

  • ivone disse:

    sou enfermeira trabalho em escolas auxiliando uma criança com sindrome de down gostaria de saber mais como orientar sobre seu comportamento e nas atividades escolar pois ela tem muitas dificuldades para aprender e não acompanha os colegas na sala de aula ….se alguem puder me ajudar agradeço muito.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *