Fisioterapia & Saúde

Mais uma vida roubada pela violência.

285 1

Hoje foi um desses dias que acreditamos:  poderíamos ter  permanecido dormindo, mas a vida nos chama a cada amanhecer , sou um desses seres humanos cheio de expectativas e otimismo, lembro bem há exatamente um ano, estava junto em família celebrando o casamento de uma prima, guerreira,  uma jovem menina com seus olhos brilhando e um jovem rapaz proporcionando, talvez o melhor momento da vida daquela jovem.  Posso dizer que não sou fã de cerimônia de casamento, mas naquela noite, naquele momento eu era só emoção, era uma cerimônia verdadeira, simples, assistíamos muito mais que uma promessa de amor, mas sim uma promessa de vida longa e  cheia de planos. Hoje ao acordar um pesadelo tomou conta de nossas vidas, aquele jovem, estudioso, batalhador e apaixonado, estava morrendo, muitos lutaram com todos os seus saberes, não mediram esforços, agiram como só os heróis sabem agir, não havia recursos, mas também não faltou competência, nossos agradecimentos ao fisioterapeuta e diretor do Frotinha de Messejana, Dr.Assis Maia e toda sua equipe, em nome de todos que lutaram para que aquele jovem cheio de vida e esperança vivesse o quase impossível diante de tão bárbara situação, manifestamos nosso reconhecimento em especial ao Dr. Marcos Lima Medeiros e Dr. João Maia Aranha R. Júnior, cirurgiões plantonista ontem a noite,  queremos destacar o  delegado Romério Moreira de Almeida, por sua assistência aos familiares e  por seus esforços  na busca de salvar a vida desse jovem . Fica em nós a saudade e ao mesmo tempo a tristeza pautada na esperança de uma sociedade melhor.  Me recuso usar branco, foto ou ir para ruas pedir  paz, creio ser essa uma fórmula falida, não é só de paz que nossa sociedade necessita e sim de muito mais, investir em recursos de valorização humana, passarmos olha o outro, quem sabe aprendermos a amar quem até nem conhecemos, sairmos desse egoísmo e dessa ambição que hoje em apenas um ano quebra o conto de fadas daqueles jovens que se prometiam vida eterna de amor e ficar apenas a lembrança de tão pouco tempo.  Daniel Soares de Sousa  a violência de uma sociedade perdida tentou te roubar, mas errou o alvo e roubou de todos nós sua vida. Deixo aqui registrado, nossa tristeza, nossa revolta e nossa esperança na vida e em um país muito melhor.

1 comentário

  • Sandra Rocha disse:

    É muito triste o que está acontecendo na nossa sociedade. Se abrimos o jornal, sangra. Se ligamos a televisão veremos só tragédias, as redes sociais espalham notícias intrigantes e a Violência chegando perto.
    O egoísmo, a falta de escrúpulos, a falta de Amor e as drogas estão matando cada VEZ MAIS sem a menor culpa. É a doença da sociedade, onde chegamos ????
    Essa história se repete e quantas famílias ficam órfãs de esperança, de amor de acreditar na vida, de sonhos e com os corações despedaçados, por uma tamanha barbaridade. Estão matando por um tênis, por uma traição,pelo poder,enfim MATAR significa nada, pois a justiça não existe, é uma brincadeirinha de faz de conta, Vivemos num País que nada é sério, tudo se pode, sempre se dar um jeitinho e nós os seres humanos justos, trabalhadores honestos, que ainda acredita que vale a pena SONHAR somos as vítimas ….
    Numa situação dessas, perdemos a força e a ESPERANÇA por um mundo melhor talvez da épocas de nossos avós….Eles viviam felizes !!!

\

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *