Futebol do Povo

Lucio Flavio e Leandro Cearense: antídotos do Fortaleza para quatro jogos sem vitória e um gol feito

704 35

A estreia do Fortaleza contra o Remo na Série C – derrota por 1 a 0 no domingo passado – registrou o quarto jogo seguido sem vitória do time na temporada. Ele se somou aos três confrontos contra o Ferroviário, nas semifinais do estadual, quando a equipe não venceu (derrota por 2 a 0 e dois empates seguidos por 1 a 1 e 0 a 0). Nesse período um outro número incomoda: um gol apenas foi marcado pelo elenco e não por um atacante, já que o tento anotado está na conta de Anderson Uchôa, no dia 9 de abril.

Para a partida contra o Botafogo-PB, nesta sexta-feira, no PV, primeiro confronto da equipe como mandante na Terceirona, o técnico Paulo Bonamigo terá um retorno e uma estreia no setor ofensivo. Depois de cerca de um mês afastado por causa de dores musculares nas coxas, Lúcio Flávio, artilheiro do Leão na temporada com oito gols, foi liberado pelos departamentos médico e físico e vai para o embate diante do clube campeão paraibano.

Já a estreia fica na conta de Leandro Cearense, regularizado pela diretoria do Fortaleza nesta quarta-feira. Em má fase no Paysandu em 2017 – marcou apenas um gol em 12 jogos – o centroavante deixou Belém na semana passada na esperança de encontrar novamente o bom momento do ano passado, quando anotou 13 gols.

Contra o Remo, Bonamigo apostou em um improvisado Leandro Lima como titular do ataque, opção que não funcionou. No segundo tempo, o técnico fez entrar o recém contratado Hiago, mas o jogador foi pouco acionado por uma atuação apagada do ataque do Tricolor.

Recomendado para você