iMãe

Mães falam sozinhas no trânsito

697 2

Alguém vai se identificar com este post. (Por favor!)

 

Muitas vezes me pego cantando, dançando, batendo palminha, fazendo careta, falando, falando e falando sozinha no trânsito. Quem vê de fora acha que sou louca e preciso ser internada. Só que eu não estou sozinha, uma pessoinha está ali atrás, na cadeirinha, a Laís. Entendam!

Estava atravessando a rua depois de deixar a Laís na escola e vi muitas, mas muitas mães discursando, brigando, rindo e cantando sozinhas no carro. Como já vivo essa experiência no dia a dia, olhei para o banco de trás e em todos os carros tinha uma, duas, três (ou mais) cabecinhas. O que a experiência não faz com a gente, hein? (rsrs)

Então, você que está lendo esse post e fala “sozinha” no carro… “TamuJunta!” E você que passa na rua e vê uma mãe ou pai falando sozinho no carro, dá uma conferida no banco de trás antes dos julgamentos… E pense: poderia ser eu ou já fiz muito isso

Distrair uma criança ou bebê no trânsito é uma arte aprimorada a cada dia. Tem problema não, a gente encara mais essa! (rsrs)

E vocês? Usam quais truques no trânsito para entreter seu filho?

Me ajudem, ajudem outras mães!

Recomendado para você

2 Comentários

  • Quando estou com as três crianças é mais fácil, porque o mais velho (#aos12) ajuda com os dois menores.
    O do meio (#aos6) normalmente assiste um filminho e conversa; é tranquilo.
    Se estou sozinha com a Vivi (#aos11meses), além de rezar para ela dormir , eu canto. Canto muito e bem alto. Ela não tem colaborado ultimamente; joga os brinquedos no chão e me nego a estacionar para juntar e devolver. Aí rola um super drama. Apelei: agora amarro algum brinquedo no cinto da cadeirinha. Assim ela não consegue jogar e fica com alguma opção de entretenimento, além de minha cantoria.
    Bjs!

  • Ronald Luis disse:

    Tenho apenas um filho com uma ano e nove meses. Coloco sempre música que ele goste… Com os brinquedos, tenho experimentado colocá-los em lugares diferentes. Penduro um no retrovisor, coloco outro preso no encosto do banco, outro no cinto e vou variando…

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *