Blog do Jocélio Leal

Theatro José de Alencar: em volta, o drama do Centro

1603 2

Theatro José de Alencar: inaugurado em 1910, equipamento é uma pérola em meio à desordem do Centro de Fortaleza (Foto: Jocélio Leal)

Fortaleza – A equipe do Blog viu no finalzinho da tarde desta segunda-feira, 1° de janeiro de 2018: um grupo de turistas, em carro alugado, parou por um instante em frente ao Theatro José de Alencar, no Centro da Cidade, fotografou e arrancou.

Pudera. O feriado apenas reforçou a atmosfera de decadência no entorno da mais importante casa de espetáculo do Ceará e uma das mais icônicas do País. Há moradores de rua, áreas descampadas e uma praça enorme e sem vida. Em dia de espetáculo, flanelinhas.

Sem contar o direito de quem vive na Cidade de curtir a sua própria Alte Oper ou seu Cólon, agora há uma razão a mais.

Fortaleza se anima com a perspectiva de atrair mais turistas, em especial europeus com interesse para além do trinômio sol-praia-diversão adulta.

Assim, cabe dar mais vida ao portfólio cultural. Se não é pela Cultura, que seja pela grana que pode vir.

 

Recomendado para você

2 Comentários

  • Célia Morais disse:

    Infelizmente é com tristeza e revolta que a anos acompanho a decadência da Praça José de Alencar . O Teatro, antes palco de diversas apresentações agora praticamente abandonado.
    Anos atrás, era disputado por academias de ballet para os festivais de dança , agora …
    É o retrato do descaso e da insegurança da qual esse país enfrenta.

  • Aleks Pereira Mota disse:

    É preciso revitalizar o entorno do Teatro. Precisa dar vida e preparar a casa não somente para o turista, mas aos moradores que apreciam a cultura.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 4 =