Blog do Jocélio Leal

Sobre a patrulha das fantasias no carnaval

Recife – A jornalista Letícia Lins, de Recife (PE), escreveu em seu blog Oxerecife sobre a patrulha acerca das fantasias de carnaval. Ela fala daquilo que chamam de “apropriação cultural” e de uma campanha da Defensoria Pública Geral do Ceará. Em boa medida, Letícia demonstra por qual razão Pernambuco tem o melhor carnaval do mundo. Leia completo aqui

Homem da Meia Noite usou fantasia ilustrada com Nossa Senhora da Conceição e Iemanjá: foliões aplaudiram (Fotos: Oxerecife)

Veja um trecho:

“Está certo que, no Ceará, a intenção é a melhor possível: evitar a discriminação racial, social e religiosa. Mas hoje é carnaval, e todo mundo cai no clima. Pelo menos aqui em Pernambuco, onde fantasia tem de tudo. E livre.  Sábado mesmo, passou um “batalhão do Bope” no meio da Troça Nóis Sofre Mais Nóis Goza, e os foliões até pensaram que eram militares de verdade. No Recife, não faltam índios, árabes, ciganas, freiras e padres, santos,  pais de santo, e orixás (Iemanjá, a mais comum). Homens vestidos de mulheres há, em todas as esquinas. Aliás, isso ocorre em qualquer carnaval, seja no Rio de Janeiro, Salvador, Recife. Leia aqui completo

Todas aquelas fantasias fazem do carnaval de Pernambuco uma festa alegre, divertida e colorida, com todo mundo levando a brincadeira na esportiva. Até porque carnaval é assim.

Ontem vi uma moça muito alva, com uma cabeleira black power dançando abraçada com o namorado, que era negro. Os dois, na maior felicidade. Será que a peruca tinha alguma manifestação de racismo? Sei não…”

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *