Política

Guitarristas do Sonic Youth aderem a movimento #EleNão contra Bolsonaro

4488 2
(Foto: Divulgação)

Thurston Moore (e) e Lee Ranaldo (d) são fundadores do Sonic Youth (Foto: Divulgação)

Thurston Moore e Lee Ranaldo, guitarristas e fundadores da lendária banda de rock Sonic Youth, resolveram aderir ao movimento #EleNão, que questiona candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência da República.

“Mandando todas as energias positivas para o Brasil na luta contra a ameaça direitista de Bolsonaro”, publicou Thurston, líder e principal compositor da banda, em sua página no Facebook.

“Pelas vidas das mulheres, pessoas de cor, LGBTS e segurança toda criança, mulher e trabalhador, no dia 7 de outubro digam não a Jair Bolsonaro”, corroborou Ranaldo, em publicação no Instagram.

Lançando dezenas de discos em mais de três décadas de carreira, o Sonic Youth é considerado um dos conjuntos mais influentes da história do rock alternativo. Com clássicos como Goo e Daydream Nation, a banda lançou tendências de produção e uso de efeitos.

Pioneiros no estilo “Do It Yourself” de gravação, a banda é creditada no desenvolvimento de vários de gêneros musicais (do grunge ao shoegazing) e tida como influência direta de dezenas de bandas – de Nirvana a Flaming Lips.

Recomendado para você

2 Comentários

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *