Política

“Quem reivindica apoio do Bolsonaro deveria ter vergonha”, diz Luizianne durante debate

252 13

Durante debate entre candidatos à Prefeitura de Fortaleza nesta noite de sábado, na TV Cidade, a representante do PT, Luizianne Lins, afirmou: “Quem reivindica apoio do Bolsonaro deveria ter vergonha”. A declaração da ex-prefeita foi dada logo depois de rodada de perguntas entre a petista e Capitão Wagner, do Pros.

Para acompanhar o debate:

13 Comentários

  • Maria dalete o uchoa disse:

    Falta vergonha mesmo !!! E compromisso com o povo de fortaleza. O sarto falar de 3000 para as mulheres e uma promessa falsa kkkk não deu nem um Tablet aos alunos fez foi tirar as bibliotecas .

  • Carlos disse:

    Me diz e quem aparece com maior LADRÃO DO MUNDO É O QUE?

  • Adriana disse:

    Candidata, estou em dúvida em qualgum candidato votar para prefeito de Fortaleza poderia me dizer o que a senhora fez na sua gestão anterior.
    Por favor, publique algumas obras da sua gestão, bem feitorias na saúde que é tão sofrida pela população cearense, saneamento, emprego,moradia, ajuda as instituições de idosos e crianças abandonadas, projetos em escolas públicas, projetos para pessoas e criancas com doenças auto imunes e portadoras de deficiências, construção de novas creches, lanches nas escolas, pavimentação urbana, e outros benefícios para a população.
    Agradeço sua atenção e estamos no aguardo das informações.

    • Gutemberg disse:

      Quando você precisar de uma consulta no
      hospital da MULHER na administração da
      Luzianne Lins, das BENFEITORIAS (sem m e a palavra junta) para saúde, é só agendar. Já que você está em dúvida, vote branco ou nulo.

  • Amoroso Pinto disse:

    deveria ter vergonha quem aceitou sua candidatura ser vendida pelo ladrão chefe de quadrilha Lula para em desespero manterem o poder que não merecem na cidade que destruiram moralmente … canalhas … criminosos … a cidade no caos com a periferia controlada e refém de traficantes e seu belo governador se portando como menino de recados … triste.

  • Adriana disse:

    Temos que acompanhar a era tecnológica com inovações, vocês ex prefeitos que já estiveram no posto e não fizeram o nome com obras e bem feitorias para a população, estão ultrapassados, com pensamentos pobres e medíocres fazendo somente a mesmice e na misericórdia. Portanto, precisamos de pessoas com pensamentos novos, profissionais qualificados dentro da prefeitura e do governo do estado para trabalhar com gosto e prazer e não pessoas indicadas, rabugentas e incompetentes. É preciso fazer uma limpa nessas pessoas que estão dentro de um órgão do estado recebendo dinheiro sem executar suas atividades de forma digna e humana, o correto é ficar somente os profissionais concursados e o resto da corja ir embora e aprender a trabalhar. Não pensem que somos ingênuos e nem que estamos acreditando no que é dito, vocês candidatos precisam entender de RESPONSABILIDADE, COMPROMISSO, ÉTICA, HONESTIDADE, LEALDADE E ORGANIZAÇÃO, quando estiverem o certificado de mestrado nessas competências podem pensar em ser um cidadão do bem habilitado para cuidar de uma população. Pensem nisso e parem de fazer os cearense de trouxa.

  • Darci Medeiros disse:

    A maior vergonha é o estado do Ceará tê-la como deputada federal. Lembro muito bem dos seus 8 anos com prefeita de Fortaleza. Foi um desastre total. Não desejamos vê-la novamente a frente do município.

  • KARRAN AVILA ROSENDO disse:

    Vergonha -Lôra pior prefeita do Brasil – e NOJO, nós temos do seu partido que liderou o maior esquema de corrupção da história do planeta Terra.

  • Bruno Ventura disse:

    Vergonha é o PT

  • O sujo falando mal lavado ela pede apoio ao ao presidiario.kkkkk

  • Julia Maria Souza disse:

    Eu acho que quem pede apoio de presidente corrupto precisava ter mais vergonha na cara. Luizianne teu telhado é de vidro.

  • Almeida disse:

    O que é que uma energúmena dessa ainda quer falando?? Pelo amor de Deus, não subestime nossa inteligência, cale-se!

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *