Radar do Comércio

Retrospectiva: veja tudo que o Sesc Ceará fez em 2021

Retrospectiva Sesc: foto mostra um espetáculo ao vivo. No paclo, três artistas com vestes clássica tocam instrumentos.

Retrospectiva: Mostra Sesc Cariri de Culturas deste ano, que aconteceu em formato híbrido, realizou 160 ações, com 804 artistas envolvidos em cinco cidades (Foto: JR Panela)

Diante dos desafios e das mudanças na sociedade, o Serviço Social do Comércio do Ceará (Sesc CE) também se manteve em constante transformação durante o ano de 2021, reinventando-se de maneira criativa e ágil para promover o acesso ao ensino, lazer, bem-estar, saúde, lazer, esporte, cultura e muito mais. E foi em ritmo de retomada que o Sesc iniciou o ano, reestabelecendo as atividades ao público em formato híbrido, tanto presencial como online.

A solidariedade marcou o ano de 2021. Com o propósito de seguir ainda mais atuante, o Mesa Brasil Sesc comemorou 20 anos de operação no Ceará. Diante da celebração, o programa de segurança alimentar e nutricional do Sesc promoveu, durante todo o ano, diversas ações para aumentar o alcance das doações, tanto com as empresas doadoras como com as instituições beneficiadas. Até novembro, o Mesa Brasil arrecadou 2.778.501 quilos de alimentos, beneficiando 559 instituições sociais, situadas em 96 municípios do Estado. No total, foram mais de 3 milhões de atendimentos. O número de empresas doadoras atualmente é de 582, atendendo mais de 300 mil pessoas.

Na Educação, o Sesc conta com 611 turmas que atenderam 16.483 alunos nas modalidades: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Educação de Jovens e Adultos, Acompanhamento Pedagógico, Idiomas, Pré-Universitário, Formação de Professores e Meio Ambiente. No total, são 6 unidades do Educar Sesc no Ceará, sendo 2 em Fortaleza e 1 em Sobral, Iguatu, Crato e Juazeiro do Norte. Além disso, conta também com 5 unidades Sesc Ler nos municípios de São Gonçalo do Amarante, Aracati, Quixeramobim, Crateús e Ibiapina.

Ainda nessa área, um passo importante conquistado foi a expansão da escola Educar Sesc Fortaleza (Unidade II), que contará com mais de 30 novas salas de aula, incluindo laboratório de ciência, idiomas, informática, dentre outras.

No Lazer, foram realizados 37.278 eventos e atividades físico-esportivas, 763.281 participantes em atividades recreativas, 890 clientes em excursões e passeios pelo Turismo Social e 15.587 hospedagens no Sesc Iparana Hotel Ecológico. Com um dos pilares voltados para o esporte e lazer, o tradicional Dia do Desafio chegou à 27ª edição, incentivando a prática de atividade física, saúde e bem-estar. Em formato híbrido, a ação alcançou mais de 400 mil pessoas através das plataformas digitais e foi realizada em todos os 184 municípios do Ceará.

Em 2021, o projeto Futsal Sesc ampliou a sua atuação no estado, inaugurando mais um núcleo de atividades para atender 250 crianças e jovens, desta vez no município de Pindoretama. Gratuito, o projeto Futsal Sesc é voltado para crianças e jovens de escolas públicas, de baixa renda (até três salários mínimos) ou filhos de trabalhadores do comércio.

Na área da Assistência, foram realizadas 1.139 campanhas, encontros, palestras, oficinas, reuniões e rodas de conversa realizadas no Desenvolvimento Comunitário. Além disso, 43.525 idosos atendidos pelo Programa Social com Idosos.

Arte, cultura e tradição

Na área da Cultura, o Sesc garantiu 4.016 ações culturais realizadas em linguagens como Artes Cênicas, Música, Literatura, Artes Visuais, Audiovisual e Tradição; 1.016 ações a mais que a meta estabelecida para 2021 e 1,9 milhão de pessoas impactadas, superando em 207% a meta estabelecida para 2021.

Como forma de preservar e eternizar ainda mais as trajetórias dos mestres da cultura do Ceará, o Sesc lançou o documentário sobre os Museus Orgânicos em junho. O filme traz os depoimentos dos mestres, que contam de forma emocionante suas histórias como verdadeiros guardiões das tradições e saberes de uma das regiões de maior riqueza cultural no Brasil, o Cariri. O documentário pode ser visto gratuitamente na Fecoplay. Os museus orgânicos do Sesc também foram a inspiração da coleção Terra de Gigantes, do estilista Ronaldo Fraga, que abriu a 51ª edição do São Paulo Fashion Week em 23 de junho deste ano.

A Mostra Sesc Cariri de Culturas deste ano, que aconteceu em formato híbrido, realizou 160 ações, com 804 artistas envolvidos em cinco cidades (Brejo Santo, Crato, Iguatu, Juazeiro do Norte e Nova Olinda). A programação online contou com 27.823 visualizações, somando Youtube e Instagram. Já o público presencial foi de mais de 5.315 pessoas. Com o olhar voltado para a valorização dos territórios, a programação da Mostra contou com a 2ª Mesa de Debates sobre a campanha de reconhecimento da Chapada do Araripe como patrimônio da humanidade. Durante a Mostra também foi inaugurado o 8º museu orgânico, o da Casa de Telma Saraiva.

Valorizar raízes e práticas ancestrais

Há mais de 10 anos, o Sesc realiza o pioneiro Encontro Sesc Povos do Mar, unindo as mais de 200 comunidades litorâneas do Estado. Este ano, o evento acontece de 12 a 16 de dezembro, em formato híbrido. Entre os destaques desta 11ª edição, está a valorização da riqueza da cultura alimentar de seis comunidades tradicionais de Icapuí, apresentadas no Webdoc “Saberes e Sabores dos Povos do Mar”, através do YouTube do Sesc Ceará. Para essa série, o Sesc convidou a chef Van Régia, entusiasta e apaixonada pela gastronomia cearense, para conhecer de perto seis comunidades, para trocar ideias, experiências e buscar referências no campo da gastronomia no Ceará.

Pelo segundo ano seguido, a tradicional regata que marca o início do evento contou com 11 embarcações, que se transformaram em obras de arte flutuantes na exposição Aquavelas. As velas foram pintadas por artistas plásticos que refletiram sobre a importância da preservação dos oceanos e da vida marinha. Além de Mano Alencar, Edmar Gonçalves, Zé Tarcísio, Totonho Laprovitera, Almeida Luz e Andrea Dall’Olio, Vando Farias e Julio Silveira, que participaram do Aquavelas em 2020, somou-se ao coletivo Hélio Rola, Ana Débora e Luiz Freire.

Com o propósito de transformar vidas, o Sesc promove há mais de 70 anos ações em prol dos trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo, realizando projetos que impactam positivamente a sociedade em diferentes segmentos.

LEIA MAIS | Senac Ceará forma mais de 2 mil turmas em 2021 e lança faculdade

Recomendado para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.