Ancoradouro

Vida saudável] Medina descola imagem dos surfistas à de maconheiros

54.90.204.233 /ancoradouro/2014/12/28/medina-descola-imagem-dos-surfistas-de-maconheiros/
905 Seja o primeiro a comentar

Gabriel Medina é o mais novo ídolo desportista brasileiro. Consagrou-se no último dia 22 de dezembro ao vencer o campeonato mundial de Surfe no Havaí. 

Gabriel Medina tem tolerância zero com drogas consideradas recreativas.

Gabriel Medina tem tolerância zero com drogas consideradas recreativas.

Na entrevista  coletiva para a imprensa, diante da responsabilidade que possui, Medina fez questão de descolar a imagem do surfista ao de maconheiro. “Antes o surfe era mal visto, eram ‘os maloqueiros que fumavam maconha e todo mundo era drogado‘. Hoje podem ver que é uma profissão séria. Você precisa se dedicar para ser um atleta de ponta. Hoje o surfe está profissional, é uma profissão”, explicou.

O atleta defende tolerância zero na utilização de drogas no esporte, mesmo com aquelas consideradas recreativas. Em 2012, quando a  Associação dos Surfistas Profissionais (ASP) seguindo as regras da Agência Mundial Antidoping (Wada) no Circuito Mundial prescrevia apenas advertência para atletas que utilizassem maconha ou cocacína (consideradas recreativas pela Wada). Medina e seu padastro Charles Saldanha  foram terminantemente contra.

“Tinham que fazer exame nos 32 surfistas, ganhando ou perdendo, para eliminar as laranjas ruins e deixar só as boas. Tem que ser assim para ser uma guerra justa”, disse Charles, que viaja com Gabriel para todos os campeonatos, em entrevista ao site do Globo Esporte. 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=DEDwGQXIF5Y[/youtube]

 

Recomendado para você