Blog do Vozão

Chapecoense 1×1 Ceará – Gostinho de vitória

143 61
Um erro de arbitragem nos tirou a vitória (Foto: Aguante Comunicação)

Um erro de arbitragem nos tirou a vitória (Foto: Aguante Comunicação)

Brigar para entrar no G4 lutando contra times do sul e sudeste não é fácil. Não bastasse à dificuldade normal por jogar contra bons times, ainda temos que lutar contra os erros das arbitragens.

Fizemos um bom jogo, equilibramos as coisas dentro de campo na base do onze contra onze, vencíamos até os 48 do segundo tempo, até entrar em ação mais um erro de arbitragem contra nós, e acabamos perdendo dois pontinhos preciosos.

Poderia ficar aqui só reclamando do erro da arbitragem, mas, em vez disso, prefiro exaltar a atuação desse time de guerreiro, que mostrou está determinado na busca de um objetivo e valorizar a conquista desse pontinho, que poderá fazer a diferença lá na frente, até porque ele foi conquistado contra um bom time que não é a toa vem ocupando a zona de classificação desde a 1ª rodada da competição. Mas, por tudo que fizemos e por ter deixado os 3 pontos escapar nos segundos finais da partida que ficou um gostinho de vitória.

Destacar a boa atuação do goleiro Fernando Henrique, que foi peça importante no jogo, e a garra do Vicente, que mesmo vindo de mais de um mês sem jogar, se doou dentro de campo e fez um bom jogo. A lamentar a desatenção no final do jogo e o desfalque de Marcos para a próxima partida devido o 3º amarelo.

Não vejo motivo para desanimar, não vencemos, mas pontuamos e isso é importante em uma competição por pontos corridos. Seguimos encostado da turma que ocupa o G4 e ainda estamos na briga, contra tudo e contra todos, mas, ainda na briga.

Valeu Vozão! A luta continua!

Veja os gols da partida:

[youtube]http://youtu.be/rfaIBZhMR7s[/youtube]

Ficha técnica
Chapecoense 1×1 Ceará

Data: 15 de outubro de 2013

Local: Estádio Índio Condá (Chapecó/SC)
Gols:  Diogo Orlando (Ceará) e Potita (Chapecoense);
Cartões amarelos: Paulinho Dias (Chapecoense) e João Marcos, Rafinha e Marcos (Ceará)
Renda: R$ 67.280,00
Público: 7886 espectadores
Arbitragem: Rodrigo Guarizo do Amaral (SP), auxiliado por Vitor Carmona Metestaine (SP) e Daniel Luis Marques (SP).

Chapecoense: Nivaldo, Murilo, Rafael Lima, Dão (Gral – 36min/2’T) e Fabinho Gaúcho; Wanderson, Paulinho Dias, Augusto (Diego Felipe – intervalo) e Athos (Potita – 28min/2’T); Tiago Luis e Bruno Rangel – Técnico: Gilmar Dal Pozzo

Ceará: Fernando Henrique, Marcos, Gustavo Silva, Potiguar (Diego Ivo) e Vicente; João Marcos, Léo Gamalho, Ricardinho e Dinélson (Rafinha); Mota e Magno Alves (Diogo Orlando) – Técnico: Sérgio Soares

Saudações Alvinegras!