Clube da Luta

Em debate: Quem será o próximo adversário de Chael Sonnen?

Sonnen virou a bola da vez nos médios e meio-pesados. Foto: UFC/Divulgação

Sonnen virou a bola da vez nos médios e meio-pesados. Foto: UFC/Divulgação

Após vencer Maurício Shogun na edição do Ultimate Fighting Championship (UFC) no último sábado (17), o Chael Sonnen desafiou o brasileiro Wanderlei Silva. Antes que o mesmo respondesse, Vitor Belfort pediu um confronto com o americano e até Lyoto Machida entrou na fila. Em alta na organização e com vários candidatos para enfrentá-lo, Sonnen segue provocando os brasileiros enquanto aguarda que o UFC defina seu próximo adversário.

“Quero você. Quero que todo mundo fique sabendo que o comediante pode fazer isso. Wanderlei, eu sou o cara mau”, disse Sonnen ainda no octógono, anunciando seu desejo de enfrentar o “Cachorro Louco” na sua próxima luta. No entanto, via twitter, outro brasileiro se manifestou: “não fuja. Por que você está desafiando o Wanderlei? Vamos lutar”, sugeriu Vitor Belfort.

Na mesma rede social, Lyoto Machida também se manifestou: “já que o Vitor Belfort não se pronunciou em relação à nossa luta, tenho certeza que o Dana White vai marcar minha luta com o Sonnen”, escreveu o carateca. Primeiro a ser desafiado, Wanderlei respondeu: “UFC ainda não me ligou”, dando a entender que está ansioso pela luta.

A postura de Sonnen ao saber que tanta gente quer enfrentá-lo foi a de sempre: provocação. O americano citou os três brasileiros em declaração na entrevista após o evento em Boston. “Eu bateria no Belfort a caminho do octógono para vencer do Wanderlei. E tomaria conta do Lyoto no estacionamento, no caminho para a minha festa da vitória”, provocou.

O americano concedeu entrevista ao canal norte-americano FOX Sports 1 e confirmou interesse em enfrentar Vitor Belfort.

“Estou dentro! Se Vitor disse meu nome primeiro, estou dentro. Tudo que você precisa fazer é dizer o meu nome. Sou como uma criança da Beyonce, ‘say my name, say my name’ (diga meu nome, diga meu nome, em português)”.

Agora, falta uma definição do UFC. E, no meio de tantas dúvidas, uma certeza existe: Chael Sonnen ganhou ainda mais moral após vencer o curitibano e foi elogiado por Dana White após o combate.

“Ele finalizou o Shogun. Acho que ninguém previa isso. Essa vitória sobre o Shogun o colocou em uma ótima posição tanto entre os meio-pesados quanto entre os médios”, disse o mandatário