Clube da Luta

VÍDEO: cearense Rosy Duarte embarca para luta na Rússia e fala de seus próximos desafios no MMA

Rosy vem de cinco vitórias seguidas. Foto: Bruno Balacó/O POVO

Rosy vem de cinco vitórias seguidas. Foto: Bruno Balacó/O POVO

Rosy Duarte quer fazer história no MMA feminino cearense. Embalada por cinco vitórias seguidas, ela sonha chegar ao UFC. Para ver desejo cada vez mais próximo, ela parte agora para o mais importante desafio de sua carreira. Na próxima sexta-feira, dia 23, ela fará sua estreia internacional, quando enfrentará a russa Julia Berezikov, no Fight Nights Petesburg, que será realizado na arena Palácio de Gelo, em Sanpetesburgo, na Rússia.

Será a primeira vez uma mulher cearense fará uma luta de MMA profissional no exterior. Sem tempo a perder, ela viajou neste domngo, 18, para a Rússia, ao lado do marido e técnico Reginaldo Albuquerque.

Rosy tem um cartel de 10 lutas profissionais no MMA, com oito vitórias e apenas duas derrotas. Em sua última luta, em maio deste ano, a cearense conquistou o cinturão do Brabos Combat, ao derrotar por decisão unânime Elaine Albuquerque, no interior de Alagoas.

Já a sua adversária possui um cartel de 12 lutas profissionais no MMA, com oito vitórias e quatro derrotas. Uma desses revezes foi contra a polonesa Joanna Jedrzejczyk, atual campeã do peso-palha do UFC, em julho de 2013, em um evento de MMA na Rússia.

Cartaz de divulgação da luta de Rosy na Rússia.

Cartaz de divulgação da luta de Rosy na Rússia.

Quando voltar da Rússia, Rosy já terá um novo foco: a luta contra a carioca Juliana Velasquez, no Primeiro Round Combat, evento marcado para o dia 6 de dezembro, na casa de shows Siará Hall, em Fortaleza. A adversária da cearense tem 28 anos, é do Rio de Janeiro e tem um cartel de duas lutas e duas vitórias.

Em conversa com o blog Clube da Luta, Rosy Duarte falou sobre seus próximos dois desafios no MMA. Confira a entrevista!

[youtube]https://youtu.be/KHznYQGKw40[/youtube]

Recomendado para você