ID

Instagram ganha ferramentas de combate ao bullying

Foto: AFP

O Instagram anunciou duas novas ferramentas de combate ao bullying nesta semana. O aplicativo deve emitir alertas aos usuários que pretendem fazer comentários ofensivos e restringir o acesso a “seguidores problemáticos”.

“Nós podemos fazer mais para prevenir que o bullying aconteça no Instagram, e nós podemos fazer mais para empoderar aqueles que são alvo de bulluying a se defenderem”, escreveu Adam Mosseri no blog oficial da empresa.

1.Notificação sobre comentários ofensivos

Por meio de inteligência artificial, a primeira ferramenta serve para notificar os usuários cujos comentários são considerados ofensivos antes que eles sejam postados.

Ao mostrar uma janela com a mensagem “repense o comentário que se parece muito com outros que foram denunciados”, o objetivo é fazer com que essas pessoas reflitam e reconsiderem o envio desse conteúdo.

Segundo a empresa, a partir de testes, foi descoberto que após a reflexão, de fato, muitas pessoas se sentiam encorajadas a desfazer os comentários negativos e escrever mensagens menos dolorosas.

Foto: Reprodução/ Instagram

 

2.Restrição a usuários

A segunda ferramenta serve para proteger as contas de interações não desejadas por meio de uma restrição de acesso. Com a intenção de dar maior controle às pessoas sobre suas experiências no app, é possível desativar as notificações de determinados usuários que possam estar cometendo bullying.

Nesse caso, essa ferramenta busca garantir o poder de escolha do usuário para que ele tenha o domínio sobre o que acontece em sua conta e sobre quais outros usuários podem se conectar com ele.

Além de possibilitar que o dono da conta escolha permitir ou não que os comentários das pessoas selecionadas estejam visíveis, o recurso Restringir impede que essas pessoas vejam se o usuário que o restringiu está online e se visualizou suas mensagens.

Foto: Reprodução/Instagram

Recomendado para você