Política

Governador de PE rebate Tasso e diz que Camilo tem “jeito é de socialista”

Para o governador de Peranmbuco, Paulo Câmara, Camilo tem mais jeito de PSB do que de PSDB (Foto: Divulgação)

Para o governador de Peranmbuco, Paulo Câmara, Camilo tem mais jeito de PSB do que de PSDB (Foto: Divulgação)

Após o senador Tasso Jereissati (PSDB) afirmar que Camilo Santana (PT) tem “jeitão de tucano”, agora foi a vez de liderança de outra sigla, o PSB, passar uma “cantada” no petista. Em entrevista ao Jornal do Commercio, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), rebateu brincadeira e disse que Camilo na verdade “tem jeito de socialista”.

“Tem mais jeito de socialista do que de tucano”, disse Câmara, em referência ao Partido Socialista Brasileiro. Paulo Câmara explica a fala, lembrando que Camilo já foi filiado ao PSB. Ao jornal pernambucano, ele destacou atuação de Camilo e citou até certa identificação entre as duas gestões – que promoveram ajustes fiscais e têm atuado por obras hídricas no Nordeste.

Embora em tom de brincadeira, as falas ocorrem em meio a especulações de que Camilo – que nunca foi dos petistas mais “apaixonados” – poderia deixar o partido. A boataria aumentou depois que o governador indicou o ex-vice governador do Ceará, Maia Júnior, para a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) do Estado na última terça-feira.

Perfil tucano

Filiado ao PSDB há mais de 20 anos e ex-secretário de Planejamento do governo Lúcio Alcântara (ex-PSDB, hoje PR), Maia é conhecido por postura neoliberal e por defender pesados cortes da máquina – a antítese do que é defendido por petistas. A indicação dele teria passado inclusive por Tasso Jereissati, aliado político do agora secretário.

Apesar disso, o senador do PSDB nega que a indicação represente qualquer mudança em sua relação com o governo do Estado. Segundo ele, indicação de Maia foi decisão “pessoal e profissional” do tucano.

Recomendado para você