Ancoradouro

Intolerância religiosa] Ativistas gays agridem jovens católicos

442 29

Há uma semana, o grupo de rapazes pertencentes ao Instituto Plínio Correia de Oliveira (IPCO) foi brutalmente atacado por ativistas gays, enquanto fazia uma pacífica campanha em defesa da família e da vida pelas ruas de Curitiba/PR. Sob gritos, xingamentos, cusparadas e até pedradas, os jovens católicos tiveram de enfrentar uma clara manifestação de intolerância e incitação ao ódio por parte do Movimento.

A manifestação pacífica do IPCO faz parte da campanha “Cruzada pela Família”, uma caravana de jovens que tem percorrido o Brasil desde 2011 para alertar a população sobre os perigos da agenda gay e do aborto. A população de Curitiba acolheu tranquilamente os manifestantes enquanto estes levantavam cartazes com os dizeres: “Buzine se você é a favor do casamento como Deus fez”. Como pode ser visto nas imagens gravadas pelo Instituto, a maioria esmagadora dos motoristas correspondeu ao pedido, afirmando a clara posição dos curitibanos a favor do matrimônio tradicional, entre um homem e uma mulher.

Assista ao vídeo

[youtube]http://youtu.be/zuxpaE759h8[/youtube]

Plugado do site de Pe. Paulo Ricardo.

Recomendado para você

29 Comentários

  • Bruno disse:

    Dá uma pena dos coitados católicos…

  • Bruno disse:

    Aprendam: quem deve decidir o que fazer com a PRÓPRIA vida é o individuo… Eu não devo perguntar aos curitibanos se eles aceitam ou não a MINHA UNIÃO CIVIL com quer que seja… Eu sou cidadão de um estado LAICO e DEMOCRÁTICO… Da mesma forma, eles n precisam da minha aprovação para escolher com quem casar…

    Ninguém está pleiteando que instituições religiosas sejam obrigadas a conceder bençãos aos relacionamentos que n aprovam.

    O que se pede é o reconhecimento do Estado para algo que na prática já acontece, para uma relação que já existe. O que se pede é a validação da igualdade de direitos.

    Deu para compreender?

    Nunca vou entender gente que luta contra o direito do OUTRO… Algo que não muda em nada a sua própria vida. Acho de uma desumanidade terrível!

    Toda ação tem uma reação… Não esperem mais o silêncio, a submissão, a humilhação passiva. Não achem que vão poder exercer a intolerância livremente.

    Pensavam oq? Que iriam protestar contra o direito à felicidade do próximo ?

    Qual a lógica de “se vc quer respeito, respeite o meu direito de te desrespeitar”? É triste como eu olho para a manifestação dessas pessoas em Curitiba q fazem o esforço de ir às ruas contra um direito alheio e pensa a motivação: egoísmo e ódio.

    Amgs conservadores, na boa, os gays vão casar. Essa vocês já perderam. Lutem pelo direito do deus de vcs não gostar deles. Aí por mim tá blz….

  • Curitibano disse:

    Bruno, o simples fato de você vir até aqui pra fazer um comentário idiota desses, já mostra em que pé está a mentalidade dos brasileiros. Pois bem, seu infeliz, se o Estado é Laico qualquer um tem o direito de expressar o que pensa sem ser agredido de forma imunda e covarde! Você é um merda preconceituoso que merecia estar na cadeia! Ao invés de ficar escrevendo bosta, você devia era, mesmo que seja homossexual, repudiar essa atitude lamentável que não é motivo de orgulho pra ninguém, mas só de vergonha. Pra mim, se os homossexuais são realmente a favor da “liberdade” que pregam, ele mesmos devem ser os primeiros a ir contra isso!

  • Bruno disse:

    Antes de qualquer coisa, cadê a moderação dos comentários do blog?

    Há pouco mais de 100 anos, a população ia as ruas, apoiada pela igreja, “pacificamente’, com base em fundamentos bíblicos, protestar contra um absurdo, uma aberração, contra algo que ia de encontro com a moral e os bons costumes, contra a ABOLIÇÃO DA ESCRAVIDÃO…

    Imagine vc o que seria, hj em dia, uma manifestação objetivando a manutenção da escravidão… E sabe oq seria pior? Seria pior esperar que os negros engolissem aquela manifestação. É muita audácia, protestar CONTRA a igualdade de alguém, e ainda querer q esse alguém se cale. É algo desumano…

    Quanto a vc, Curitibano, tenho pena. Vc nada mais é, do que digno de piedade por ser um ser humano medíocre, deplorável, egoísta… vc é resquício de uma sociedade nojenta que mata, tortura e desrespeita. Vc é inapto a entender e se sensibilizar com sofrimento do próximo, de ir além do seu umbiguinho. Vc é uma vergonha como ser humano… Vc abraça a dor, a intolerância, o desprezo, ignorância, o preconceito, o desrespeito, o machismo, a violação de direitos humanos, o egoísmo, a pregação e incitação ao ódio… Esse é você!

    Eu abraço a razão humana, a ética, a justiça social… Eu coloco os humanos como principais, numa escala de importância. Sem distinção… Eu tenho a nobre capacidade de aceitar outra pessoa ou grupo social diferentes. Eu me compadeço com a dor do perseguido… Eu acredito no livre-pensamento… Eu luto pela plenitude da democracia… Eu afirmo que os seres humanos têm o direito e a responsabilidade de dar sentido e forma às suas próprias vidas… Eu entendo que, com o uso da razão, do exercício da empatia e da tolerância, pode-se progredir na construção de um mundo melhor. Esse sou eu.

    E não pense que eu vou deixar de vir aqui e comentar. Virei sempre.

  • Bruno disse:

    E como eu disse, os homossexuais vão casar, vão poder adotar com mais facilidade, vão conquistar os devidos direitos. E nada do que vc, Curitibano, fizer vai mudar essa evolução!

  • Bruno disse:

    “se o Estado é Laico qualquer um tem o direito de expressar o que pensa sem ser agredido de forma imunda e covarde!” Como vc, notoriamente, tem dificuldades para assimilar conhecimento e definições, vou desenhar para vc:

    1- O Laicismo é um conceito que denota a ausência de envolvimento RELIGIOSO em assuntos governamentais, bem como ausência de envolvimento do governo nos assuntos religiosos… É o princípio da SEPARAÇÃO entre Igreja (ou religião) e Estado… Ou seja, quase tive uma crise de risos com seu comentário.

    2- O direito à livre expressão é garantido desde que não haja incitação ao ÓDIO, desde que não fira a dignidade de alguém, como essa manifestação CLARAMENTE fez. O objetivo dessa manifestação era IMPEDIR egoista/irracionalmente que os homossexuais tenham AS MESMAS (nem mais, nem menos) garantias que os heterossexuais… Devo lembrar que uma democracia só é plena de fato qdo todos gozam das mesmas prerrogativas?

    Agora me responda, o que faz alguém ir as ruas e lutar contra o reconhecimento do direito do outro, contra algo QUE NÃO O DIZ RESPEITO, contra algo que não o afeta em nada? É de uma mediocridade absurda…

    Novamente eu pergunto: Qual a lógica de “se vc quer respeito, respeite o meu direito de te desrespeitar”?

    Os homossexuais têm de respeitar o direito dos outros de DESRESPEITÁ-LOS? E ainda ficar em silêncio?

    NÃO MAIS!

  • paulo disse:

    BRUNO SEU IMBECIL, os homosexuais tem todo o direito a expor a sua liberdade”tinagem”, mas pessoas contra não podem expor também o que pensam, é isso mesmo que você pensa???, ninguém tem que dar razões a bandidos, vagabundos, pessoas intolerantes, que agridem os que estão em menor número e fazendo sim UMA MANIFESTAÇÃO PACÍFICA, ai o colega ai de cima faz uma crítica à você que não mereçe nem que alguém perca tempo discutindo contigo, e você como todo homosexual corre perguntando CADÊ A MODERAÇÃO, corre pra debaixo da saia de laguém, seja homem, bote a cara a tapa, não se esconda atras dessas leis imundas que seus representantes gayzistas estão tentando impor ao resto da sociedade, devemos respeitar os homosexuais, mas devemos também banir qualquer tipo de lei como essas que incentivam o homosexualismo, e prender os que atentam contra a liberdade de expressão da MAIORIA ESMAGADORA da sociedade.

  • Curitibano disse:

    Bruno, quem precisa rir aqui sou eu! Você falou tudo sobre “não incitar a violência” e “respeitar as escolhas alheias”. Agora aplique aos fatos: os jovens católicos não estavam fazendo passeata contra o casamento gay, mas contra o aborto e a favor do casamento hétero (sem agredir nem ofender ninguém), enquanto os jovens gayzistas os agrediram de forma brutal e irracional! Quem está incitando a violência agora? Quem não está respeitando o pensamento do outro? Quem está infringindo a lei? Obs: mesmo que a passeata fosse contra o casamento gay, o que não era, esses jovens ainda assim não podiam agir dessa maneira porque a justiça cabe ao Estado e qualquer que quer fazê-la com as próprias mãos também é criminoso. Leia primeiro antes de escrever e procure se informar pra não dizer besteira!

  • Curitibano disse:

    E não, eu não sou o homofóbico nem o preconceituoso que você quer acreditar. Eu não tenho nada contra os gays, pois cada um sabe o que faz da sua vida, eu sou é contra gente convarde que se diz alvo de intelorância quandos eles mesmos são os próprios intolerantes. Vem falar de igualdade mas querem a aprovação de leis que os deixam acima do resto da população, que acham que expressar a fé é preconceito, mas se acham no direito de agredir jovens em uma passeata pacífica que nem contra eles era! O engraçado é que eu sou capaz de apostar tudo o que tenho como, se fosse ao contrário, estaria falando barbáries dos católicos por causa do comportamento de um grupo de jovens, mas como são os gays aí abafaram totalmente o caso que não sai nem no jornal daqui! Isso só tem um nome: MANIPULAÇÃO! E você, Bruno, devia ter vergonha de encher a boca pra falar contra a violência e em respeito as opiniões alheias e ao mesmo tempo defender uma das maiores demonstrações da irracionalidade humana. Obs: Estado Laico quer dizer Estado separado da religião e que portanto não impõe uma fé nacional por isso todos têm o direito de ter sua própria fé! Vai ler a constituição pra ver se para de falar merda!

  • Curitibano disse:

    Agora já que é pra falar erros passados, lembra que crianças foram condenadas ao fuzilamento na Revolução Russa em nome da “igualdade”, que pessoas inocentes foram guilhotinadas na Revolução Francesa em nome da “liberdade” e da “razão”, isso sem falar nos cristãos jogados aos leões pelos romanos. Com atitudes como as desses jovens eu vejo que estamos caminhando a passos largos pra isso novamente. Ninguém além dos homossexuais agrediu nem desrespeitou nessa passeata. É melhor rever seus conceitos porque eles já estão beirando ao facismo!

  • Bruno disse:

    Curitibano, qualquer pessoa normal já teria assimilado a minha explicação. Vc não é normal.

    Os gays vão casar e vc vai ser obrigado a aceitar. Vc está em extinção.

  • Bruno disse:

    O que estou vendo aqui é a pregação dos ensinamentos cristãos na prática. Ahhh o amor cristão, tão bonito né? Feia é a hipocrisia

    Paulo, pq vc me xingou? É isso que a sua doutrina prega né? A esculhambação? Seu deus está satisfeito com sua belíssima atitude?

    Tudo o que eu vejo é uma multidão de hipócritas, na sua maioria adúlteros, mentirosos, desrespeitosos, ignorantes…

    Ahhhh o falso moralismo…

    OS HOMOSSEXUAIS VÃO CONQUISTAR OS SEUS DIREITOS, E VÃO CASAR.

  • Curitibano disse:

    Paulo, você está absolutamente certo. O que você fez foi dizer a verdade. O tal do Bruno revoltadinho ficou bravo por ser chamado de imbecil, mas defende um bando de vândalos que agrediram fisicamente jovens que faziam uma manifestação pacífica e usaram palavrões bem mais sujos. É o típico preconceito: eles podem falar e fazer a merda que quiserem, mas se alguém respira forte perto deles já é preconceito. Felizmente a sociedade está realmente evoluindo e caras como esse Bruno tendem a ficar cada vez mais isolados em seus pensamentos irracionais, primitivos e preconceituosos!

  • Curitibano disse:

    Bruno, não adiante se desesperar e disfarsar. Você acabou de fazer talvez o maior papelão de sua vida falando do que não sabe! Repito, os católicos não estavam fazendo passeata contra o casamento gay (e mesmo que estivessem, a lei garante esse direito), mas a passeata era a favor do casamento hétero! E se você acha que é a mesma coisa, eu pergunto, quando os gays fazem passeata a favor do casamento de pessoas do mesmo sexo, por acaso eles estão falando contra o casamento hétero? Eu acho que não! Esse grupo gayzista foi covarde e ignorante, demonstrando o quanto são ignorantes. Ou seja, os gayzsta eram os únicos que estavam defendendo seu direito de desrespeitar o próximo! Mas eu gostaria que algum homossexual de verdade, que se dá ao respeito e presa pela liberdade e a tolerãncia, demonstrasse seu repúdio por essa atitude imunda! Eu gostaria também que isso saísse no jornal porque se fosse ao contrário, certamente sairia. Obs: quem está em extinção são as pessoas ignorantes e facistas como você, Bruno, que se acham acima da lei e das outras pessoas!

  • Bruno disse:

    Eu? Revoltadinho? Quem partiu para a esculhambação foram vcs, cristãos… Vcs só deram a prova cabal de como funciona o “amor cristão” e de como “seguem rigorosamente sua doutrina”… Estou tranquilo e calmo… Isso aqui é apenas um fórum de internet, e pessoas com desenvolvimento mental incompleto e nenhuma educação não tiram a minha paz.

    Gays vão casar e mulheres irão abortar… Vcs serão extintos

  • Curitibano disse:

    Vai Bruno facista, continua vivendo no seu mundinho de sonhos macabros! Sinceramente você é um dos seres humanos mais patéticos que eu já conheci. Além de covarde, burro e metido, ainda é preconceituoso. Eu tenho pena de pessoas ignorantes e primitivas como você. Vocês sim são uma espécie em extinção e que, se Deus quiser, vai ser extinta logo, logo. Ignorância se mata com educação, é assim que a sociedade vai acabar com ignorantes como você! Por isso mulheres não vão abortar sem a devida punição pelo homicídio mais covarde da história da humanidade e gays, se quiserem casar, vão casar sim, mas nenhuma religião vai ser obrigada a aceitar isso como normal, porque essa é a verdadeira liberdade. Quer saber o que é o amor cristão? É aceitar a todos independente de quem for ou o que faz, mas combater todas as atrocidades da humanidade! Revoltadinhos facistas como você já estão em extinção e vão ser extintos em breve, graças a Deus!

  • Bruno disse:

    QUAL FOI A PARTE DO: “A população de Curitiba acolheu tranquilamente os manifestantes enquanto estes levantavam cartazes com os dizeres: “Buzine se você é a favor do casamento como Deus fez”. Como pode ser visto nas imagens gravadas pelo Instituto, a maioria esmagadora dos motoristas correspondeu ao pedido, afirmando a clara posição dos curitibanos a favor do matrimônio tradicional, entre um homem e uma mulher..” QUE VC N ENTENDEU, CURITIBANO?

    Não tenho culpa se vc não sabe ler ou compreender uma frase, se voce sofre com demência ou se vc é apenas mais um verme asqueroso na nossa sociedade, mas está claro que sim, a manifestação era SIM contra o casamento CIVIL entre pessoas do mesmo sexo… Casamento esse que não diz respeito e q não vai influenciar em NADA na vida desses manifestantes miseráveis.

    Quem está PAGANDO PAPELÃO É VC.

  • Curitibano disse:

    Não, as mulheres não vão abortar sem receber a devida punição legal pelo crime mais covarde e hediondo da história da humanidade. Mas se você disse isso só pra me provocar (e isso fica claro), já está mostrando que está bem nervosinho sim! Quanto aos gays, eles vão casar sim, mas ninguém será obrigado a aceitar isso como normal ou correto. Cada devia era cuidar de sua vida ao invés de ficar agredindo covardemente quem está fazendo uma manifestação pacífica, ou apoiar quem faz isso. Seres como você, Bruno, é que serão realmente extintos, pois nossa sociedade condena o preconceito, o facismo e a falta de educação!

  • Curitibano disse:

    Bruno, o simples fato de você citar o aborto numa fútil tentativa de me provocar, já mostra que você está bem mais nervosinho do que quer me sugerir! Mas felizmente no Brasil o aborto é ILEGAL e continuará sendo pois as pessoas de bem jamais permitirão a legalização do assassinato mais covarde da história da humanidade. E sobre gays se casarem, se eles quiserem se casar ninguém tem nada com isso, mas também ninguém será obrigado a concordar com a prática do homossexualismo ou considerá-la normal. Cada um tem o direito de exercer sua fé se for com respeito aos outros. Mas os que serão extintos são os caras como você, que se acham acima das leis e das outras pessoas! A propósito, você disse que foram os cristãos que partiram pra esculhambação, não foi? Pois é, mas o que o video mostra é bem o contrário! Mas julgue você mesmo, quem você acha que tem desenvolvimento mental incompleto: uma pessoa que defende a família e o direito a vida, ou um sujeito que incita a violência, se diz tranquilo mas fica provocando, se diz a favor da liberdade, mas defende um bando de vândalos. Diz aí, quem é que tem desenvolvimento mental incompleto agora? Felizmente vocês, preconceituosos, é que serão extintos!

  • Curitibano disse:

    Bruno, você só pode ter probleminha (como diz o Felipe Neto). A campanha era, como eu já falei, a favor do casamento hétero. Em nenhum momento diz que os manifestantes eram contra o casamento civil entre pessoas do mesmo sexo e não adiante tentar distorcer e mentir sobre o que está escrito. A pesseata era para incentivar o casamento hétero e corresponde a algo da fé católica, garantida pela lei. Mas me diga onde na frase do texto que você citou está dizendo que os manifestantes eram contra o casamento civil gay? E mesmo que fosse contra o casamento gay (o que não era), isso é direito garantido pela lei (liberdade de expressão) visto que os católicos não estavam agredindo nem ofendendo ninguém, já os gayzistas… Ou seja, o único que continua a prestar um papelão aqui é você por defender um bando de baderneiros preconceituosos e não saber nem interpretar um texto! Obs: mesmo que os católicos estivessem ofendendo alguém, para isso há delegacias e tribunais. Fazer justiça, ou nesse caso, injustiça com as próprias mãos é crime! Não adianta tentar justificar o injustificável! Obs2: e pra mim verme asqueroso é quem defende e pratica o preconceito e a intolerância e ainda tenta se fazer de vítima, como esses gayzistas!

  • Petropolitana disse:

    Concordo plenamente com o Curitibano,isso nao é coisa de se fazer com ninguem !E Bruno para de defender a intolerancia religiosa e atitudes erradas…

  • Carioca disse:

    Bem, sou homossexual e repudio toda e qualquer forma de violência. Respeito a liberdade de expressão sem supressão e sem adendos favoráveis a uns preterindo outros. Independentemente de orientação sexual, os direitos são e devem ser para todos, desde que a incitação ao ódio não seja mais um desses adendos de que falei. Apedrejar e cuspir quem exerce seu direito não é e nunca será algo normal. Vai de encontro a tudo aquilo que ativistas gays sérios (digo, sérios mesmo) vêm pregando e sustentando. Imaginem se um grupo de católicos ou outro grupo religioso decidir aparecer em uma parada gay (para mim, um carnaval fora de época, pois a latência política já se foi há muito tempo nesse caso) e decidir apedrejar e cuspir nos que lá estão presentes? Aí eles seriam os preconceituosos? Dois pesos, duas medidas? Estamos esquecendo que alguns homossexuais são vítimas de suas próprias atitudes e contradições. Só peço que não generalizem, pois sei, como homossexual, como alguns conseguem manchar nossa luta e nossa eterna busca pela tão sonhada, mas já famigerada igualdade. Respeito transcende qualquer orientação seja ela religiosa, sexual, partidária. Que Deus abençoe a todos, mas o Deus de paz, pois esse é o verdadeiro.

  • josé disse:

    Acho que essa briga está perdida,o que não obriga a ninguém de desistir. Se criticam tanto o período da ditadura e outros momentos sem liberdade de expressão. É simplesmente ridículo o que esse bando de desocupados estão fazendo. parabéns aos jovens católicos que de maneira corajosa mantiveram a postura e educação.
    já o bando que se dizem orgulhosos infelizmente só estão aguardando assumirem o poder para exterminar quem é contra.

  • Laiana disse:

    Vivemos em um país livre temos total liberdade para discordar do que achamos certo ou não, não somos obrigados a aceitar mas sim respeitar o ser humano por suas escolhas…..Muitos poderiam me perguntar se eu queria um filho homossexual eu diria NÃO, não que eu iria ama-lo menos e sim porque eu não estaria o tempo inteiro ao lado dele para protege-lo dos preconceitos, o mundo virou uma selva é animal contra animal e acabamos de ver no vídeo héteros atacando gays e gays atacando héteros, sou católica mas sou da seguinte opinião Deus deu a vida e cada um cuida da sua no dia do julgamento Papai vai cobrar todos os nossos atos mesmo, o que custa vivermos em paz.

  • FABIANE HUTH disse:

    Sou, a favor da liberdade religiosa! Não moramos em um país Neonazista, Facista e Fundamentalista Autoritário! Portanto, ninguém deve ofender os católicos e nem os evangélicos tradicionais. Assim, como devem, também respeitar as Igrejas Inclusivas. Todos tem direito de expressar a sua fé, seja, CATÓLICO, EVANGÉLICO TRADICIONAL, OU, FÉ INCLUSIVA! Violência só atrai violência!
    QUE O RESPEITO AS DIFERENÇAS VENHA SER UMA PRÁTICA DA BOA CIDADANIA INDEPENDENTE DA ORIENTAÇÃO SEXUAL E CREDO RELIGIOSO! ADOLF HITLER, JÁ FAZIA ISSO! SERÁ QUE É TÃO DIFÍCIL CONVIVER EM PAZ NESTE PAÍS APESAR DAS DIFERENÇAS! REPUDEMOS TODA FORMA DE ÓDIO! DIGA NÃO A INTOLERÂNCIA RELIGIOSA POR PARTE DOS CATÓLICOS, EVANGÉLICOS TRADICIONAIS, OU, QUALQUER OUTRA RELIGIÃO!

  • Valdemar disse:

    Bruno, preste atenção para não interpretar errado minhas palavras:
    COMO SER HUMANO: Sou evangélico e tenho colegas gay. Sempre respeitei e sempre fui respeitado, e vou sempre respeitar. A PRÁTICA GAY: Nunca aceitei e nunca vou aceitar. INTERFERIR: Nunca interferi. e jamais vou interferir, pois isso é problema dele, e não meu. TRADIÇÃO: Eles sempre fizeram essa prática e vão continuar fazendo. FAMÍLIA TRADICIONAL: Essa eu lutei, luto, e vou lutar a vinda inteira em defesa.
    CASAMENTO GAY: Sempre vou tutar contra, pois não se pode existir outra entidade familiar, que não seja homem e mulher. Não pode.
    DESRESPEITO, BADERNA E BRIGA: Contra minha opinião, jamais vocês tem o direito de me reprender, bater ou matar, jamais. PASSEATAS GLBT: Nunca vamos interferir, pois é direito das pessoas expressar suas opiniões publicamente. Essa atitude dos gays em Curitiba contras os católicos, é no mínimo caso de polícia. Todos deveriam serem presos. Tiveram muita sorte. Isso não se pode repetir, de maneira alguma. Entendeu Bruno?

  • fernandes disse:

    Amigos e irmãos catolicos, sou evangelico mas quero que saibam que estamos juntos nessa mesma luta em defesa da família e da liberdade de expreção, ja é tempo de deixarmos as nossas diferencias de lado e de lutarmos juntos de mãos dadas pela mesma causa e não deixar que essa ditadura implantada pelos homosexuas contamine o nosso paíz !
    O BRASIL É DO SENHOR JESUS !

  • FABIANE HUTH disse:

    Casamento é casamento, independente da orientação sexual, seja hetero, ou, homo afetiva. É importante que duas pessoas que se amam, se respeitem e tenham consciência que casamento é compromisso, não é oba, oba. Não é negócio! O casamento entre pessoas do mesmo sexo deve ser respeitado sim, ninguém, deve casar – se com o sexo oposto, só porque a sociedade diz que tem que casar e nem a religião tem que ficar perseguindo o casamento ente pessoas do mesmo sexo. S e as igrejas tradicionais são contra, tudo bem, é direito de ser expressarem contra. Porém, perseguirem, as igrejas inclusivas, aí, já estão praticando intolerância religiosa. Se uma mulher quer casar com um homem, case, mas, case porque gosta de homem e o ama, caso, contrário, casar, para agradar a família e fingir que é hetero, isto é embuste e não será feliz e fará este homem infeliz também. É melhor uma mulher assumir a sua orientação sexual homo afetiva, do mentir, para a sociedade que é hetero. Deus é Amor, não ódio! As diferenças de concepção religiosa, sobre a homo afetividade, devem ser respeitadas, uma não é obrigada a concordar com a outra, porém, tanto uma como a outra, devem sim conviver em paz e sem agredir ninguém. É um absurdo, ver pastores, se dizendo vítimas de perseguição porque são evangélicos, quando, este perseguem as religiões alheias, atacam as igrejas inclusivas, os espíritas, etc. A falta de ética dessa gente é grande! Moramos, em um país livre, não estamos em um país, NEONAZISTA, FACISTA, OU, ARBITRÁRIO TEOCRÁTICO. PORTANTO! RESPEITEM AS DIFERENÇAS RELIGIOSAS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Paulo disse:

    Daqui a pouco ser heterossexual vai ser crime!!
    Ter uma família vai ser visto com maus olhos.
    Ditadura Gay surgindo…

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + nove =