Blog do Leão

…o centroavante, o mais importante…

624 19

Rinaldo, o homem-raio, artilheiro e ídolo

O título deste post foi inspirado na frase de Samuel Rosa que mais cheira a gol na música “É uma partida de futebol”. O jogador do time que mais se envolve emocionalmente com o torcedor, seja pela idolatraia ou pelo ódio. E, claro, no nosso tricolor temos muitos exemplos de camisas 9 amados e odiados.
Alguns acham que os mais antigos que vibraram com gols de Croinha, Beijoca e Luisinho das Arábias ( este último foi  o primeiro centroavante que vi jogar com a camisa do Leão) tiveram mais sorte, pois naquela época não apareciam tantos bondes pra jogar dentro da área adversária.
Em uma época rescente tivemos alguns atacantes folclóricos na arte de perder gols. Recordemos Fernando Roberto, Bugrão, Meireles, Cláudio José, Ronaldo Marques que veio do Bahia nos anos 90, Creedence, Genilson, Adriano Chuva. Até a própria torcida tricolor fazia piada com eles.

Outros tiveram passagens meteóricas, mas marcantes. São exemplos: André Balada, Rômulo, Jr Amorim, Alex Afonso e Ney Paraíba. Enquanto alguns escolhidos viraram ídolos da torcida, como Mirandinha, Silvio, Sandro, Finazzi, Vinícius e Rinaldo, só para citar alguns dos anos 90 até hoje.

E em 2012?? Será que teremos o prazer de sermos apresentados a um novo camisa 9 que mereça o rótulo de ídolo? Pela experiência de anos acompanhando futebol, posso garantir que quando isso acontece é meio caminho andado para a glória. Realmente, Samuel Rosa tem razão…

19 Comentários

  • BOCA disse:

    Cléo e Vavá a nova dupla tricolor.

  • Fabiano Campelo disse:

    Não esqueça do Fabricio. Ho cabra pra perder gol. Senti falta do Bugrão nessa epoca!

    Elenilson Dantas
    Boa! Fabricio até fez gol na final de 2003 contra o Ferroviário. Mas era um verdadeiro “Perde-gol” da Estrela

  • Daniel Eleutério disse:

    Também lembrei desse figura, o Fabrício.

    Lembro demais um que ele perdeu (praxe) contra o Santos, na Vila, na A-2003.

  • antonio disse:

    Canga e Reginaldo Jr a dupla de atacante tricolor. Estou botando a maior fé no Canga. Jogador voluntarioso, valente, marrudo.

  • RENATO LUIS disse:

    Grandes ídolos passaram pelo meu TRICOLOR, mas o que marcou e vai ficar sempre na lembrança é o RINALDO este fez gols de toda maneira. Sds Tricolores.

  • Fred disse:

    Você esqueceu do Maciel cai-cai centroavante do time de 1985, ninguém podia nem chegar perto que o cara se esborrachava no chão! Chegou aqui com pinta de craque, de goleador, veio do CRF e não fez nada, quem nos deu muita alegria foi o Adilson que veio com ele na mesma negociação de contrapeso.
    Já que é para relembrar mesmo, eu vou mais longe, vocês lembram do CHICO-EXPLOSÃO? Pense num jogador ruim!
    Seria bom se déssemos sorte de aparecer este ano um novo Rinaldo, um goleador de verdade, a nossa torcida precisa sorrir de novo!

    Elenilson Dantas
    Verdade, Fred. Bem lembrado. O Maciel era “tragi-cômico”

  • Tom Tricolor disse:

    Lembro também do Miguelzinho, que veio do Piauí. Ele já tava queimado com a torcida, aí entrou em um jogo no PV contra o Ferroviário, aos 35 do segundo tempo e fez o gol da vitória….de canela. A galera gritou: ei, ei, ei, Miguelzinho é nosso rei. Foi demais.

  • Robério Nascimento disse:

    Pena que os jogadores da base e os da casa parece que não terão chances de atuar em 2012, vez que o a volta do Jurandir Júnior significa a importação de jogadores arcaicos e de times que não abiscoitaram coisa nenhuma. Se não conseguiram os objetivos onde andavam esses jogadores vindos do Treze, da Lurvedenso, como poderão obrar milagres no Rei Leão do Brasil. Os dirigentes leoninos, capitaneado pelo Osmar Baquit, não dão demonstração de que mudarão ao ponto de fazer o voltar ao que era antes deles, no quais, incui-se o Renan Vieira, o Lúciio Bomfim, o Marcelo Desidério. Quantas saudades do Raimundo Delfino e do Ribamar Bezerra, tricolores que só injetavam seus recursos financeiros no Pici. Essa leva de assalariados que chegaram a presidência do Fortaleza, do Desidério ao Baquit., são uns pobres diabos e não tem um só centavo para arcar com os custo do Leão e nem têm credibilidade para conseguirem patrocínio. R

  • Robério Nascimento disse:

    Ei antonino sabe quando é que o Reginaldo Júnior e o Canga jogarão no time principal do Fortaleza enquanto o Jurandir Júnior estiver no Fortaleza: nunca. Por onde vc estava esse ano antonino que não viu o Jurandir contrtar todos os jogadores e treinadores na série C. O pior cego é o que não que ver de maneira nenhuma.

  • italo jose disse:

    Com uma diretoria que vai contra 95% da torcida na contrataçao do jurandi junior voces acham que vai para algum lugar

    ITALO TUF
    puto da vida.

  • jp tricolor disse:

    Que legal,ver torcedores recordando os atacantes que marcaram,no Fortaleza.E o maciel era brincadeira.Lembro que na final,contra o csc,ele quase faz o gol da vitoria em 85.chutou a bola na trave,quando entrou sozinho na area.em vez de ficar com raiva,todos riram.fomos campeão com o 0x0.

    Elenilson Dantas
    Em 85 quem chutou essa bola no travessão não teria sido o Frank?

  • Domigos Leão disse:

    Se é pra lembrar de jogador ruim, lá vai, FLORISVALDO, e tinha outro se não me engano Reinaldo ou Geraldo CONCEIÇÃO, era tão ruim que esqueci até o nome. Grandes centroavantes foram, LUISINHO DAS ARÁBIAS, BEIJOCA, GERALDINO (um pouco grosso, mas goleador), MARCIANO e WILLIAM (em atividade).

  • Robério Nascimento disse:

    A palavra de convencimento dos conselheiros tricolores para justificar a eleição do Osmar baquit era de que ele não repetiria os erros e a união da família tricolor. O primeiro ato dele foi cogitar a contratação do Geral e houve um reação negativa geral. Não satisfeito com a discórdio no meio dos tricolores o Osmar Baquit, também conhecido em Quixadá como pé de elefante(onde pisa afunda) causou mais desunião com a volta do maior desagregador(no ciará ele também causou desentendimentos entre a diretoria). Pergunto qual será a próxima discórdia a ser semeada pelo Osmar Baquit nas almas tricolores.

  • mauro disse:

    E quem se lembra o nome de centro avante que veio de Serra Talhada

  • Luiz Carlos disse:

    De fato o centroavante é o mais importante, mas tem valor também um Administrador sério e competente.
    Sobre essa possível volta do (…) Jurandir, concordo com o que saiu noutro blog:
    “NÂÃÃÃÃO !!!!
    Que é isso? Estou loucos?
    Esse aí ainda é pior que o Branquinho, aquele do futsal e dos seguros, queimado aqui e alhures.
    Verifiquem o porque da sua saída do Ceará. Analisem o contrato com o Wellington Amorim. Esse aí, depois que andou pelo Sul, fez amizades e “negócios” com uma turma de “empresários” da pesada, especializada em infiltrar bondes nos clubes. Vejam também o caso desse Magal genérico, que jogou (entrou em campo) só 2 jogos e está cobrando 800 mil do Fortaleza. Será que é isso que nós queremos.”

  • antonio disse:

    Se o Baquit faz tanta questão de ter o Jurandir ao lado dele, que faça um time para ele e o contrate. Não querer infiltra-lo no Fortaleza. Foraaaaaaaaaaaa os dois.

  • JEFFERSON SOARES disse:

    Elenilson, Boa Tarde ! Lembra do SINVAL ? Ficou marcado não pelos Gols e sim ao ser substituido no classico, deu uma carreira que em todo o jogo não tinha dado. kkkk !

  • joao rodrigues casimiro disse:

    querer fazer sucesso com vava e cleo, e acredita em papai noel,mula se cabeca. continuam contratando, velho, errar e humano mais continua e burrice.

  • Pedro Firmo disse:

    Respeito todas as opiniões, contudo pra mim, depois de Marciano, o interplanetário como dizia o grande Júlio Sales, Sandro Gaucho e Rinaldo, simplesmente decisivos em muitos títulos do Maior Tricolor do Nordeste – FORTALEZA ESPORTE CLUBE!
    Falando nisso, Presidente baquit, dê a chance para o homem raio – Rinaldo, encerrar sua carreira no Leão em 2012, contratando-o, Ele merece, e tenho certeza que toda Nação Tricolor, apoiaria tal decisão!

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *