Blog do Leão

Fortaleza 2×1 Guarani – Já sentando na janela

714 19

Gustavo marcou um belo gol de falta nos acréscimos. Foto: Pedro Chaves

 

Caros tricolores, começamos a Série B com o pé direito. Foi um jogo complicado, assim como deverão ser praticamente todos os outros trinta e sete que faltam. Agora que começou, foi somente uma estreia, mas deu pra ter a noção exata de como o professor vai tratar as equipes visitantes no Castelão.

Gostei do esquema com Edinho, Osvaldo e Gustavo na frente. Derley dá segurança à subida dos laterais, e Dodô deu mais velocidade à transição quando entrou na vaga do improdutivo Alan Mineiro. Espero somente que ele não fique mudando o tempo todo como no estadual. Foi notório que o segundo tempo trouxe um time bem mais ativo.

E foi numa das subidas de Tinga que este fez um belo gol. Levou a bola pra dentro da área, cortou pro meio e bateu no canto do goleiro campineiro.

A zaga é que passou a impressão que não pode ser apertada que confessa. Numa cobrança de escanteio, onde quem cabeceou e quem pegou o rebote estavam livres, os caras aproveitaram o posicionamento errado e empataram.

Teria sido uma estreia frustante, se nos acréscimos, Gustavo não tivesse colocado em prática as dicas que o professor lhe deu na semana. Cobrou uma falta de forma magistral e mandou a bola no ângulo. Golaço!

Estava salvo o fim de semana tricolor. Primeiros três pontos na conta!

Respire aliviado, pois terça tem de novo. Iremos a Varginha encarar o Boa.

Arrocha, Leão!!

 

 

 

 

 

FORTALEZA 2 X 1 GUARANI

Local: Estádio Castelão, em Fortaleza (CE)

Data: sexta-feira,13 de abril de 2018

Horário: 19h15 horas (de Brasília)

Árbitro: Claudio Francisco Lima E Silva (SE)

Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Ailton Farias da Silva (SE)

Cartões amarelos: Fabinho (Fortaleza); Bruno Brígido, Philipe Maia, Marcílio, Ricardinho (Guarani)

GOLS:

Fortaleza: Tinga, aos 18, e Gustavo, aos 49 minutos do 2T

Guarani: Pedro, aos 29 minutos do 2T

FORTALEZA: Matheus Inácio; Tinga, Diego Jussani, Adalberto e Bruno Melo; Jean Patrick (Wallace), Derley, Edinho e Alan Mineiro (Dodô); Osvaldo (Wilson) e Gustavo.

Técnico: Rogério Ceni

GUARANI: Bruno Brígido; Lenon, Philipe Maia, Anderson Jesus e Marcílio; Ricardinho, Denner (Luan), Kevin (Serafim) e Rondinelly; Caíque e Pedro (Edson Silva)

Técnico: Umberto Louzer