Clube da Luta

Cearense Diego Brandão revela estratégia para a vitória no UFC e admite cansaço no 3° round

Diego Brandão (esquerda) teve momentos tensos no combate. Foto: UFC/Divulgação

Diego Brandão (esquerda) teve momentos tensos no combate. Foto: UFC/Divulgação

O cearense Diego Brandão não fugiu de sua característica. Começou a luta de forma explosiva, mostrando todo o seu arsenal de golpes contra o americano Daniel Pineda. Fez o adversário balançar em alguns momentos, mas lhe faltou poder de definição para conseguir o nocaute.

No 2º round, já degastado fisicamente, o cearense caiu de produção e ficou em apuros. Pineda golpeou, ficou por cima, mas Brandão suportou bem as investidas. No 3º round, com o gás quase esgotado, o cearense usou da malandragem para garantir os pontos necessários para a vitória. Aplicou uma sequência de quedas, anulando o jogo do rival. Não deu outra: vitória para Diego Brandão por decisão unânime dos juízes, salvando a noite dos brasileiros no UFC: Shogun x Sonnen.

“Sei que Daniel Pineda é um grande lutador, mas fizemos muitas simulações de entradas de guarda e quedas, e felizmente tudo deu certo. Eu fiquei um pouco cansado, porque caímos e levantamos muitas vezes, mas treinamos sempre para cinco rounds “, revelou o cearense, logo após ser declarado vencedor no combate.

Com o triunfo sobre Pineda, Brandão chegou à sua 3ª vitória seguida no UFC e agora pode até sonhar com duelo contra um lutador TOP de sua categoria, o peso-pena.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *