Clube da Luta

Últimas do MMA: Bolsas dos lutadores do UFC 167, Chael Sonnen de volta aos médios e Ben Henderson substitui Pettis

UFC 167: Mário Yamasaki também viu vitória de Johny Hendricks em cima de Georges St. Pierre 
Luta entre GSP x Hendricks terminou com decisão dividida. Foto: UFC/Divulgação

Luta entre GSP x Hendricks terminou com decisão dividida. Foto: UFC/Divulgação

GSP ou Hendricks? A vitória do campeão dos meio-médios também foi contestada pelo árbitro brasileiro Mário Yamasaki, que discordou da decisão.

“Estava no octógono, então não posso ver a luta como os juízes viram, mas eu pensei que o Hendricks tivesse vencido. Ele dominou o combate, foi brutal e foi uma surpresa quando eles deram a vitória a St-Pierre. Mas eu não sou juiz lateral e vi a luta com olhos diferentes. Quando a luta terminou achei que o Hendricks tivesse vencido todos os rounds menos o último, mas teria que rever a luta para analisar como juiz”, disse Yamasaki ao site “MMA Fighting”

St. Pierre domina a categoria dos meio-médios do UFC há seis anos Foto: UFC/Divulgação

St. Pierre domina a categoria dos meio-médios do UFC há seis anos Foto: UFC/Divulgação

 UFC 167: GSP recebeu oito vezes mais que Hendricks

A Comissão Atlética de Nevada divulgou que as bolsas somadas dos lutadores que atuaram no UFC 167, em Las Vegas (EUA), chegaram a um total de US$ 1.641.000 (aproximadamente R$ 3.721.788). Na luta principal do evento, o canadense faturou US$ 400.000 (ou R$ 907.200), enquanto o desafiante recebeu US$ 50.000 (ou R$ 113.400).

Foto: UFC / Divulgação

Foto: UFC / Divulgação

 

 Chael Sonnen anuncia retorno a categoria dos médios

 Após ser dominado e derrotado facilmente por Rashad Evans, no UFC 167, Chael Sonnen retorna a categoria que sempre lutou. “Eu pensei que eu poderia vencê-lo (Rashad). Eu posso ser melhor do que isso, mas eu vou ter que voltar para 185 libras (categoria dos médios), é onde eu posso fazer o meu melhor trabalho”.

Difícil é imaginar o americano chegando ao topo de uma categoria que tem nomes como Anderson Silva, Chris Weidman, Vitor Belfort, Lyoto Machida e Ronaldo Jacaré.

 
Mais uma luta e mais uma vitória do campeão dos leves (Foto: Josh Hedges/UFC)

Mais uma luta e mais uma vitória do campeão dos leves (Foto: Josh Hedges/UFC)

Ben Henderson enfrenta Josh Thomson em janeiro

A primeira defesa de cinturão do campeao Anthony Pettis foi adiada. O detentor o cinturão dos leves se lesionou e foi cortado do UFC on Fox 10, marcado para o dia 25 de janeiro de 2014. A organização anunciou o seu substituto: Ben Henderson, ex-campeão da categoria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *