Clube da Luta

Ben Henderson: longe de disputar cinturão e de agradar Dana White

Henderson venceu por decisão dividida dos juízes. Foto: UFC/Divulgação

Henderson venceu por decisão dividida dos juízes. Foto: UFC/Divulgação

Não foi a volta que os fãs, o UFC, Dana White e o próprio Ben Henderson queriam. O “Menino Lobo” desapontou no duelo contra Josh Thomson, mesmo vencendo, depois de perder o cinturão para Anthony Pettis. O combate foi para a decisão, assim como gosta Bendo, e os juízes decretaram a vitória dividida. O pior é que o ex-campeão ficou muito abaixo da média na luta e deixou o adversário, por várias vezes, derrubá-lo e ganhar as costas para buscar a finalização.

Hendo não conseguiu dominar e castigar Thomson para vencer com sobrar. Preparo físico em dia e defesa de queda na ponta dos cascos são os pontos fortes do “Smooth”. Mas, o jogo de grappling do ex-campeão não funcionou, muito pelo contrário, virou alvo fácil para Josh em suas investidas para levar a luta para o solo.

Caso o adversário fosse um Demian Maia da vida, com jiu-jitsu afiado, e que adora ir para as costas, Bendo poderia ter saído com uma derrota do octógono. Para ser campeão novamente, Henderson precisa bem mais do que um preparo físico para lutar cinco rounds. Mas, o atleta necessita de uma nova postura dentro do cage. Tem que duelar para “matar ou morrer”. O “Menino Lobo” precisa cada vez mais em seus combates buscar definir a luta, seja com um nocaute ou uma finalização. Capacidade ele tem!

A performance não escapou das duras críticas de Dana White que escancarou o defeito de Bendo. “Se você tinha o Henderson vencendo a luta, não foi por essa margem grande. A luta foi muito equilibrada. Eu não acho que nenhum deles realmente buscou o combate e tentou conseguir a vitória. Assim como as lutas do Ben são, essa foi uma luta típica do Ben Henderson, é a maneira que as lutas dele acontecem. Ele é um moedor, ele mói decisões”, disse o chefão em entrevista ao canal Fox.

Além disso, Dana criticou a arbitragem do combate e deixou claro que Henderson não terá uma chance ao título agora. “Isso foi insano. Isso é sempre um problema. A minha visão é, vocês dois sabem que estão lutando por uma chance ao título, ok? Vocês vão receber a chance ao título. Você vai, vai, vai para quebrar tudo. Não deixe nas mãos dos juízes, ou ao menos faça algo suficiente ou uma performance boa o suficiente para saber que você venceu, porque você nunca pode confiar nos juízes. Ben Henderson perdeu duas vezes para o Pettis, o campeão, e foi destruído na última luta. Ele não fez nada que fizesse com que as pessoas gritassem: ‘Oh, eu quero vê-lo tendo outra chance contra o Pettis’”, completou White.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *