Clube da Luta

Em combate cheio de reviravolta, campeão Patricio Pitbull finaliza Daniel Straus

Pitbull luta em janeiro. Foto: Divulgação

Pitbull luta em janeiro. Foto: Divulgação

Patricio Pitbull manteve o cinturão do Bellator, na madrugada deste sábado, 17, diante do americano Daniel Straus. O potiguar precisou se superar dentro da luta, resistir a um knockdown e finalizar o oponente. Essa foi a primeira defesa de cinturão do brasileiro, que já tem um novo adversário, Georgi Karakhanyan.

Com envergadura menor, Patricio precisou estar com a esquiva em dia para se aproximar do adversário. Mas o “gigante” Straus também estava afiado na trocação e dificultou bastante a vida do líder da “Pitbull Brothers”. O duelo teve de tudo: dedo no olho, perda de ponto e “nocaute anulado”.

O primeiro round começou agressivo com os dois partindo para trocação. Straus aproveitava a envergadura e acertava mais golpes mantendo uma distância segura. Já Patricio buscava esquivar para aplicar contragolpes. Mantendo uma pressão maior, Daniel levou vantagem no assalto inicial.

No segundo, Pitbull voltou mordido. Pressionando Straus e acertando mais golpes, o potiguar levava vantagem e tinha o duelo sobre o controle. Nessa etapa, ocorreu a primeira polêmica da luta. No primeiro round, Patricio já havia levado uma “dedada” no olho e, na segunda etapa, sofreu mais duas vezes com a mesma situação. Nas três oportunidades, o árbitro “Big” John McCarthy parou o duelo para advertir o americano e, na última, o puniu tirando um ponto.

+ Veja vídeo: Patrício Pitbull elege top 5 do peso-pena e se coloca atrás apenas de Aldo

A terceira etapa iniciou com Patricio na frente, nos pontos, por causa da punição a Straus. Sabendo disso, o americano da American Top Team (ATT) partiu para cima e dominou Pitbull na trocação. O campeão se manteve apático a maior parte do round e saiu no prejuízo.

O quarto round foi bastante movimentado. Com o olho direito bastante machucado e buscando liquidar a fatura, Patricio seguiu caminhando para frente atrás do nocaute. No meio do assalto, Straus aplicou uma combinação jab, jab e direto, que desequilibrou o brasileiro. Mas ele levantou rapidamente e prendeu Daniel nas grades, ganhando tempo para se recuperar. Quando os dois largaram a situação de clinch, voltaram para o infight. Foi aí que ocorreu a segunda polêmica. O potiguar acertou uma joelhada que pegou na coquilha, se caracterizando como golpe baixo, e no abdômen. Straus caiu e Patricio foi para terminar o duelo. O árbitro se aproximou, mas o atleta da Pitbull Brothers indicou com o dedo que não havia cometido irregularidades.

Resultado: Patricio ignorou a aproximação de John McCarthy e acertou com força o rosto de Straus, que caiu sem se proteger, indicando que teria levado o golpe ilegal. O árbitro impediu que Pitbul continuasse e separou os dois, mas não terminou o combate pelo “nocaute” do brasileiro, nem pelo golpe ilegal intencional, que daria o triunfo ao desafiante. Como McCarthy entendeu que não houve intenção, ele recolou os dois frente a frente e recomeçou o confronto.

Naquela altura, a confiança do potiguar já havia voltado. O campeão encurralou o Straus na grade e aplicou uma queda plástica, à lá Daniel Cormier contra Dan Henderson. No chão, o faixa-preta brasileiro foi para as costas e finalizou com mata-leão o wrestler. Vitória na superação e na raça em uma das lutas mais polêmicas do Bellator.

Fala, campeão!
Após o duelo, o campeão teve a chance de falar e deixar seu recado. “Eu sabia que ele vinha para trocação. Ele é um dos maiores pesos-penas do planeta. Mas meu plano de jogo foi mais sólido, graças ao meus córners, e eu consegui me manter campeão”, disse Pitbull. Depois do anúncio, ainda deu tempo para encarada e troca de provocações dentro do cage. Isso porque Georgi Karakhanyan, que lutou no mesmo card e ganhou o duelo, havia sido anunciado como próximo desafiante ao título. Ele aproveitou a vitória de Patricio para entrar na jaula e promover o primeiro “face to face” entre eles.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *