Clube da Luta

Garimpando o melhor do UFC em Porto Alegre: ‘superman punch’ e nocaute ‘sorridente’

"Superman punch" de Dwyer | Foto: Wander Roberto/Inovafoto

“Superman punch” de Dwyer derrubou Patolino, no nocaute mais incrível da noite | Foto: Wander Roberto/Inovafoto

A noite não foi nada boa para os brasileiros do card do UFC em Porto Alegre. Os gringos venceram a maioria dos combates e fizeram a festa na capital gaúcha. Dessa vez, o ‘Garimpando o Melhor’ do evento no Rio Grande do Sul não traz nenhum brasuca se dando bem.

Vamos começar com a luta principal da noite. Frank Mir entrou no cage na ‘corda bamba’. Com quatro derrotas seguidas, ele precisava vencer de qualquer maneira. Acertou um ganchinho no queixo do “Gigante da Paraíba” e fez a festa em Porto Alegre! O ex-campeão respira mais aliviado.

Frank Mir Destroys Antonio Silva UFC Fight Night 61

Quem também brilhou foi Sam “Smile” Alvey. Com carisma e mãos afiadas, o “Sorridente” precisou de apenas brecha no jogo de Cézar Mutante para nocautear. Lindo nocaute!

Sam Alvey Knockouts Cezar Ferreira UFC Fight Night 61

Mas o nocaute mais incrível, na minha humilde opinião, ocorreu entre ex-TUF William Patolino e o estreante Matt Dwyer. O canadense aplicou um “superman punch” para apagar o Patola.

Matt Dwyer Superman Punck KO William Patolino UFC Fight Night 61

Jéssica Bate-Estaca entrou com muita confiança no cage. Começou o duelo colocando pressão na americana. Depois, numa situação favorável, trabalhando o ‘ground and pound’, a brasileira caiu na armadilha de Marion. A veterana da Califórnia encaixou um triângulo e forçou a paranaense dar os três tapinhas.

Marion Reneau Triangle Chokes Jessica Andrade UFC Fight Night 61

Recomendado para você