Educação

Paternidade Responsável

245 5

pais e filhoProgramas já desenvolvidos em estados como Santa Catarina e São Paulo poderão ser expandidos para o país pelo programa Paternidade Responsável, que prevê o reconhecimento paterno na certidão de nascimento.

A iniciativa da Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) ainda depende de ajustes, mas a campanha deve ser lançada ainda neste semestre.

Além disso, a iniciativa busca incentivar laços afetivos e o pagamento de pensão alimentícia a essas crianças e adolescentes.

Segundo dados do Censo Escolar de 2009, feito pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), dos 52,5 milhões de alunos da educação básica, 4,8 milhões não declararam o nome do pai nas fichas escolares.

Fonte: Gazeta do Povo (PR)

Paternidade Responsável seria se o indivíduo que gerou acriança assumisse com todas as suas responsabilidades de pai, sem precisar de um programa como esse. Minha crítica não é quanto ao programa, já que pensa e tenta ações a favor das crianças e adolescentes.

Mas sim ao modelo de família, ou melhor, aos novos formatos que se gerão nessa sociedade e os malefícios que causam aos seres humanos. Sim, porque com certeza, não só a criança sofre com a falta de paternidade não assumida…

Recomendado para você

5 Comentários

  • Rita Lang disse:

    Com certeza a Paternidade resonsavel existe!porém para os pais que sabem o que estão fazendo qdo geram um filho. Porém qdo se faz necessário serem chamados para assumir a responsabilidade passa a ser registro responsavel e obrigadorio. dos atendimentos que realizo junto ao Instituto Paternidade responsavel – garanto que 90%não deseja ser pai e nem mãe. Então o nosso trabalho esta sendo voltado na conscientização dos adolescentes nas escolas.”onde ainda há tempo para se programar antes de colocar um filho no mundo e acreditar que basta registrar.Amor- carinho – atenção vale mais que um papel.

  • Rita Lang disse:

    Com certeza a Paternidade resonsavel existe!porém para os pais que sabem o que estão fazendo qdo geram um filho. Porém qdo se faz necessário serem chamados para assumir a responsabilidade passa a ser registro responsavel e obrigadorio. dos atendimentos que realizo junto ao Instituto Paternidade responsavel – garanto que 90%não deseja ser pai e nem mãe. Então o nosso trabalho esta sendo voltado na conscientização dos adolescentes nas escolas.”onde ainda há tempo para se programar antes de colocar um filho no mundo e acreditar que não basta somente registrar.Amor- carinho – atenção vale mais que um papel.

  • LUCIENE disse:

    ESSA QUESTÃO DA PATERNIDADE “RESPONSÁVEL”, AINDA É VOLTADA APENAS PARA UMA RESPONSABILIDADE BUROCRÁTICA, O PAI , AINDA ABANDONA AFETIVAMENTE A SUA PROLE, E NÃO DA PRA FICAR ARGUMENTANDO QUE NÃO SE OBRIGA A DAR AMOR. PORQUE SE NÃO TERIAMOS QUE VINCULAR O AMOR DE PAI, APENAS ENQUANTO VIVE COM A MULHER(PQ. MUITOS ABANDONAM DEPOIS DE SEPARADOS) OU AMOR ATÉ NO MAXIMO AO 3° FILHO, PQ. QUASE NINGUÉM PLANEJA OS Q. VEM DEPOIS…ETC, CUIDADOS COM PRESENÇA E PARTICIPAÇÃO DEVE SER OBRIGAÇÃO, O RESTO A NATUREZA HUMANA SE INCUBI. gRAÇAS A DEUS, POIS SOU A POIS A 7° FILHA DE 13, NUMA SITUAÇÃO PRECARIA PRA CARAMBA. RESPONSÁBILIDADE PATERNA JÁ.

  • bartolomeu alves de queiroz disse:

    Para uma perfeita educação o casal deve criar um clima em seu lar de Amor,harmonia, amizade, confiança e diálogo, somente assim conseguirão educar sem reprimir, educar com amor, com liberdade e responsabilidade.

  • Arnaldo Fagundes disse:

    Paternidade responssaveu é aquela concebida de um casal devidamente casados e com a grasa do sacramento do matrimonio, dai o cumprimento de lei: crescei e multiplicaivos, que cabe aos pais o direito de educa-los com carinho, respeito, amor, como filhos de Deus, com retos concelhos e para uma vida cristã.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *