Educação

Novas disciplinas incham o ensino

583 1

A inserção de novas disciplicinas no ensino básico de todo o Brasil apresenta um desafio para os gestores da educação, em especial os da rede pública.

De 2007 até o mês passado, emendas incluíram seis novos conteúdos na Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB).

Matérias como filosofia, artes, cultura afro-brasileira e indígena, educação no trânsito e direitos da criança e adolescente são aos poucos inseridas no currículo escolar.

O desafio em questão é dosar o ensino dessas novas disciplinas, já que a maioria dos alunos não consegue aprender satisfatoriamente nem o português e a matemática.

Para a presidente do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), Yvelise Arco-Verde, os legisladores podem ter boas intenções, mas muitos desconhecem a realidade da sala de aula.

1 comentário

  • Cícero Robson disse:

    Oi Valeska,

    Sobre o post publicado que discute a inclusão de novas disciplinas no currículo dos alunos do ensino básico, acredito que ele não tenha sido conclusivo, apesar de notar uma leve discordância sua.

    No entanto, entendo que a reformulação do currículo contempla não só a quantidade, mas primordialmente um novo projeto pedagógico, que deixe de lado o aspecto “conteudista” e busque novas metodologias de ensino para disciplinas que dialoguem com a realidade cotidiana dos alunos.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − 9 =