Educação

Estímulo à amamentação reduz mortalidade infantil

O trabalho de conscientização das gestantes sobre a importância do aleitamento materno está entre os componentes de redução da mortalidade infantil no Ceará.

A avaliação foi feita pelo coordenador de Promoção e Proteção à Saúde da Secretaria da Saúde do estado (Sesa), Manoel Fonseca.

Em 27 anos, o número de crianças que morriam antes de completar um ano caiu drasticamente. Eram 106 por cada mil nascidos vivos em 1987, quando o programa de conscientização foi implantado.

Em 2008, o índice foi de 15,8. Em 1993, o Ceará ganhou o prêmio Maurice Pate, do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), pela redução da mortalidade infantil.

A ampliação da vacinação contra doenças como difteria, coqueluche e sarampo, com cobertura de 100%, também contribuiu.

O Ceará é citado pelo Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (Pnud) como exemplo de como a informação pode melhorar o desenvolvimento humano.

Fonte: O Globo (RJ), Isabela Martin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *