Educação

Gravidez após os 30 anos de idade exige cuidados especiais

Embora os novos tempos tenham feito com que as mulheres adiem a gravidez, é a natureza que continua falando mais alto. Os avanços da ciência já permitem algumas interferências, mas os fatores fertilidade e segurança são determinantes para apontar a hora de ser mãe.

O ginecologista e obstetra André de Paula Branco, médico credenciado da Paraná Clínicas Planos de Saúde Empresariais, em Curitiba (PR), diz que esses fatores começam a pesar a partir dos 35 anos de idade.

Em relação à fertilidade, ele explica que desse momento em diante se observa uma queda importante das reservas de folículos nos ovários. Isso quer dizer que a taxa de fertilidade é cada vez menor, condição que se acentua a partir dos 40 anos de idade.

No que diz respeito à segurança, há dois problemas nas gestações de mulheres com mais de 35 anos de idade. Para a mãe, cresce o risco de doenças associadas à gravidez, como diabetes gestacional e hipertensão arterial. Para o bebê, é maior o risco de alterações genéticas.

Fonte: Bem Pará Online