Educação

Seminário sobre Segurança Pública

Foi assinado no último dia 28 de março, o termo de cooperação entre a Assembleia Legislativa do Ceará e a Universidade Estadual do Ceará (Uece), Universidade Federal do Ceará e Universidade de Fortaleza (Unifor). A celebrada parceria  tem como principal objetivo, a realização do 1º Seminário Internacional de Segurança Pública do Estado do Ceará, que acontecerá nos dias 4, 5 e 6 de junho.

Para o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque, a Assembleia Legislativa sempre toma iniciativas no sentido de estudar medidas de combater á violência. A ALCE já promove iniciativas como o Ceará Sem Drogas e o Comitê Cearense pela Prevenção de Homicídios na Adolescência, pontuou.

De acordo com o parlamentar, todas essas medidas reforçam o enfrentamento à violência, e o seminário internacional vem para complementar os estudos já realizados nessa área. Esse seminário vai reunir todos que têm trabalhos relevantes na área, para que novos caminhos, em termos de segurança pública, possam se abrir para nós, disse.

O reitor da Uece, Jackson Sampaio, também observou que a iniciativa de articular Poder Público e universidades no combate à violência é correta. “A complexidade do momento atual requer cada vez mais conhecimento para definir soluções para problemas, como o da violência, por sua vez cada vez mais complexos.” Jackson Sampaio afirmou que a violência, em suas diferentes formas (doméstica, de gênero, religiosa, política, contra a vida, contra o patrimônio, contra os direitos humanos etc.), tem uma codificação que a produção de conhecimento pode ajudar a decifrar e a enfrentar.

O reitor da UFC, Henry Campos, acrescentou que as universidades têm  muito a contribuir no tópico do combate à violência. De acordo com ele, as instituições de ensino possuem observatórios, laboratórios, grupos de pesquisa e podem, decisivamente, contribuir com ideias e sugestões. O poder de influência da universidade na comunidade é muito grande, tanto que somos os primeiros a ser chamados, como foi o caso do Ceará Pacífico, no qual participamos, considerou.

Já a reitora da Unifor, Fátima Veras, assinalou que a universidade dispõe de profissionais que podem contribuir com conhecimento sobre o tema da segurança pública. Temos uma linha de estudo sobre o assunto no curso de Direito, então podemos oferecer muito nesse sentido, alinhando teoria e prática e vendo a melhor forma de contribuir, argumentou.

O 1º Seminário Internacional de Segurança Pública do Estado do Ceará tem por objetivo ampliar, qualificar e dar visibilidade à discussão sobre alternativas para o problema na área no Brasil, com ênfase no Ceará.

A organização está a cargo do Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos, órgão que oferece embasamento técnico-científico ao planejamento das políticas públicas do Legislativo cearense.

Também estiveram presentes na cerimônia de assinatura do acordo o secretário-executivo do Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos (CAEAE), Mailson Cruz e a Assessora Executiva e coordenadora do Seminário, Luiza Perdigão.

Fonte: Agência de Notícias da Assembleia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *