Educação

Agência UFC: equipe do CT desenvolve primeiro nanossatélite do N/NE

Imagem: foto de seis homens em pé

Era outubro de 1957 quando os russos colocaram em órbita o Sputnik 1. Foi o primeiro satélite artificial lançado ao espaço e tornou-se um marco na corrida então travada entre Estados Unidos e União Soviética pela supremacia da tecnologia espacial. Na época, a Universidade Federal do Ceará tinha menos de três anos de existência. Agora, a Instituição está prestes a ter seu próprio satélite.

Trata-se do Satélite para Análise e Coleta de Dados Experimentais (SACODE), que está em desenvolvimento no Laboratório de Engenharia de Sistemas de Computação (LESC), em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).

O SACODE é um nanossatélite cuja missão será obter dados do semiárido nordestino, contribuindo para informações relativas a previsão climática, umidade do solo e monitoramento de mananciais, além de ter outras possíveis aplicações. O termo nanossatélite é utilizado para designar um satélite artificial com massa entre 1 e 10 quilogramas.

A matéria completa está disponível no site da Agência UFC, canal de divulgação científica e de extensão da Universidade.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social e Marketing Institucional – fone: (85) 3366 7331

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *