Entre Aspas

Vem cá junho

june-tumblr-1

Junho chegou. Bem que poderia não te chegado. Sim, estou bastante melancólico, não sei se por conta dos últimos acontecimentos que ocorreram na minha vida, ausência de pessoas que para mim eram a base, ainda são, mas agora são de outra forma. Uma saudade danada, se o tempo voltasse pelo menos dois meses atrás,  tudo poderia ter sido tão diferente, mas não foi como planejado.  Nada tem sido como planejado, tô numa maré pra lá de baixa e ruim, espero que mude, se isso não ocorrer,  não sei o que vai acontecer.

Falando agora propriamente de junho e deixando um pouco de lado essas minhas histórias que são mais pertinentes num divã do que nesta crônica. Junho chegou trazendo todas as suas lembranças, fico feliz e ao mesmo tempo triste. Junho traz à tona as festas juninas que costumavam ser bem agitadas, as noites de São João com suas comidas típicas, suas brincadeiras juninas, com pé de moleque, canjica e bolo de milho. Tempo bom que não volta mais. Não volta mais, mas pode trazer novas coisas que poderão formar as lembranças do futuro mais que incerto, que é o meu.

Junho venha cá, pode chegar, traga boas energias, me traga a beleza de viver novamente, traga o sorriso do meu rosto de volta, traga o brilho dias dias de sol, traga as tardes de domingo cheias de tédio e comilança, traga o ócio criativo  das madrugadas de sábado, traga a felicidade de novo, mesmo que efêmera, traga.  Completarei vinte e um anos de idade, após sofrer várias perdas, sobrevivi, ou pelo menos, estou tentando sobrevivendo. Que esse mês e que o resto dos meus dias sejam assim sobre(vivendo), que eu não perca a esperança dos dias bons.

Texto: Eduardo Sousa| Imagem: Internet

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *