Futebol do Povo

Fortaleza já abre cinco pontos do quinto colocado na Série C

1121 11

pio

Além da liderança isolada do grupo A, o Fortaleza conseguiu, em três rodadas, abrir cinco pontos do quinto colocado, o Botafogo-PB. Agora com nove pontos em três partidas, o tricolor venceu o Cuiabá com autoridade nesta segunda por 3×1, fazendo um jogo seguro defensivamente – Lima e Adalberto estiveram bem – e contando com ótima atuação de Pio – fez dois gols – e boa presença de Maranhão atuando pelo lado esquerdo, ocupando a vaga de Éverton.

Além dos destaques individuais, com a volta de Wanderson para a lateral esquerda, Chamusca manteve o mesmo esquema 4-2-3-1 e o time mostrou estar bem adaptado e entrosado. Organizado e sem permitir chances ao dono da casa, fez 1×0 na primeira etapa depois de perder pelo menos quatro chances – golaço de falta de Pio – tomou o empate no segundo tempo, gol também de falta de Alex com falha de posicionamento do goleiro Erivelton, mas logo Lúcio Maranhão se movimentou bem e também deixou sua marca, num chute fraco de fora da área, mas suficiente para vencer o goleiro André. O terceiro gol do Fortaleza saiu de um lance duvidoso. Pio caiu na área depois de receber contato leve do zagueiro do Cuiabá e o árbitro marcou pênalti. Vendo pela TV não daria a falta.

A vantagem de cinco pontos para o quarto colocado é ótima. Dá tranquilidade e a certeza de que na parada para a Copa América o time ficará entre os três primeiros. Antes, porém, no domingo, o Fortaleza recebe o ASA, às 18:30h.

 

Recomendado para você

11 Comentários

  • Adriano Pitta disse:

    Vamos Leão de Volta a segunda divisão

  • joao paulo de oliveira disse:

    Erivelton se posicionou mal, mas a falta foi da linha da área, não se pode esquecer. O que dizer do goleiro do Cuiabá, numa falta distante?

    Espero que ainda insistam com o Erivelton, apesar das cornetagens. Alguns estão loucos pra trazer outro deola e colocar o nosso goleiro, da base, no banco.

    Não vi em que o Maranhão acrescentou. O mérito do Chamusca foi uma forma de pressionar o Cuiabá, não entrando com marcadores. Aprendeu lições anteriores. Mas entraria com o Elias. Sobralense quase não citado. Talvez falta de boas companhias, além de voltar de problema clínico.

    Time muito bem montado, treinado e unido. Faltaria, pra quase garantir uma possível subida (um dia subiremos), uns 2 ou 3 jogadores de altíssima qualidade. Que viessem pra qualificar e não desunir o grupo. Valeria, futuramente, o investimento.

    Que o Erivelton treine mais fundamentos, e dê um reposta aos seus críticos. Que os outros também treinem fundamentos. Só terão a crescer. Sem assistir aos treinos, acho que o Pio andou treinando umas faltas.

  • Enio Lima disse:

    Apesar dos principais desfalques o leão jogou bem, com muita determinação, no início do segundo tempo o cuiabá pressionou bastante mais ,o gol do Lúcio jogou água no fogo deles!! Agora é esperar pra domingo contra o ASA , acho que vai ser mais duro do que esse de ontem pois o ASA tá em boa fase também!! ST …. vlw Graziani

  • Amarildo disse:

    O jogo contra o ASA é as 19:00 horas

  • João Ximenes disse:

    O que não é nenhuma novidade(liderança) se olharmos para os anos anteriores. Só espero que essa, não seja a única novidade quando chegar o pega pra capar de fato, e o TIME consiga o objetivo ao final da competição.

    EU Já dizia:
    João Ximenes – 1 de junho de 2015 às 06:53

    “Esse Cuiabá vai chegar junto também, porque é um time que começa abafando o adversário(a mil por hora), é veloz pra caramba pelos lados e pelo meio. Mas nos minutos finais de jogo eles arreiam a bateria.
    Teem uma ORGANIZAÇÃO em campo muito parecida com a nossa.
    Vai ser preciso ATENÇÃO REDOBRADA com eles !
    FORTALEZA ao contrário dos times que eles já jogaram, é um time que joga com muita gente inchertando pelo meio(Pio, Hess, Auremir, Sobralense), e não vai ser fácil eles penetrarem da mesma forma, além de quando estamos com a bola, chegamos rápido ao ataque.
    ELES QUE SE CUIDEM TAMBÉM !
    Tenho nem dúvida que serão os 2 jogos mais difíceis pra nós… E PRA ELES !
    Pode até não ser. Mas que promete, AH! isso promete.”

    CHAMUSCA ganhou o jogo porque conseguiu vencer um time organizado(muito parecido com o nosso), é um dos melhores times da chave, e vai chegar entre os 4 no final, e não poderia ter sido melhor. CHAMUSCA também comprovou que “é ruin de perder jogo”.
    FORTALEZA deu um show taticamente quando até MARANHÃO funcionou bem, tanto quando marcava quando atacava. SURPRESA !
    Tava tudo encaixado direitinho e era ruin o Cuiabá chegar.
    Pena que mais uma vez ERIVELTON não foi testado de fato. Por via das dúvidas: PRECISAMOS DE GOLEIRO… E DE ATACANTES !
    LÚCIO MARANHÃO tirou o dedo cara. Colocou a bola bem no cantinho e ainda contou com o escorrego do goleiro. MÉRITO DELE(Lúcio), pois se não chuta a bola não vai.
    CHAMUSCA venceu o jogo e mereceu. Só em ver a maneira que o time joga quando está com a posse de bola, com consciência, já é motivo para acreditar na não repetição dos maus resultados dos anos anteriores na hora “H”.
    TRANQUILIDADE, ACERTO, DEDICAÇÃO TÁTICA, COMPROMETIMENTO, e mais alguns adjetivos que queiram acrescentar.
    Se teve alguns defeitos, é pra acontecer mesmo pois ninguém é perfeito. Cabe ao CHAMUSCA detectar o que houve e ACERTAR pro próximo jogo.
    1 X 3 convincente, digno de uma grande jogo jogado pelo LEÃO DE AÇO.
    Quando forem falar, falem desse jogo que é pra não tirarem os méritos do time nesta partida.
    DIGA-SE: esse jogo já foi, e só serve pra tirar conclusões pro próximo.

    E que venha o Asa.

    Xô Czona(que ninguém merece).

    Agora, só quem pode ser PENTA(começou a contagem) é NOIS !

    SOU MAIS LEÃO DE AÇO !!!!!

  • Bruno disse:

    Fortaleza esta com um nível mto bom pra serie C, mas precisa de atacantes, pelo menos dois.

    VAMOS FORTALEZAAAA!!

    ST

  • Carlos Cavalcante disse:

    Leão é o papa de todas as Copas, falta a do Brasil e da Libertadores para por na conta!!!

    Saudações Tricolores!!

  • Seca pacotinho disse:

    Graziani, discordo em um ponto, até acho que nosso time ataca no 4-2-3-1, mas quando se defende é claramente um 4-4-2 (tradicional inglês), com duas linhas de quatro, com Sobralense e Lúcio Maranhão dando o primeiro combate à frente das duas linhas… só que eu acho que esse esquema que o chamusca usa desde o ano passado já passou da hora de ter uma variação… tipo um 4-1-4-1 quando precisamos segurar o resultado, ou um 4-3-3 quando precisamos contruí-lo. Qual sua opinião?

    Opa. Quase todos os times jogam atrás da linha da bola quando estão sendo atacados. O esquema ganha importância quando o time tem a bola. Sobre variações, concordo contigo. Abraço.
    FG

  • Robson disse:

    Infelizmente não pude ver o jogo, mas pelos melhores momentos e as reportagens, parece ter sido uma grande partida do tricolor de aço.

    Contento-me em ver que Lúcio Maranhão, aos poucos, vai reencontrando o caminho das redes, esse jogador, voltando aos seus bons dias de artilheiro será peça fundamental na campanha do maior clube do Estado.

    Aliás, o time inteiro parece ter encontrando um nível invejável de entrosamento, trabalho do contestado Chamusca.

    Agora, é vencer o próximo jogo pra entrar nesse “recesso” da Copa América na liderança.

    E pra concluir, o campeão do Nordeste e o Campeão do Norte já podem dizer que tem algo em comum: ambos foram superados pelo Campeão Cearense.

    Quem sera o próximo ?

    Saudações Tricolores.

  • Robson disse:

    Corrigenda: Onde se lê “campeão do Norte”, leia-se “Campeão da Copa Verde”, que obviamente inclui times do Norte.

    #rumoaos10milsocios.

    Saudações Tricolores.

  • carlos anselmo disse:

    só uma observação a análise, interessante, por sinal, do “seca pacotinho” – morri de rir com o jogo de palavras.
    a sopa de números dos esquemas táticos quando o time tem a bola, só funciona com a habilidade de seus jogadores. se tem um armador fora do comum, ele dita a movimentação do time. se o centro-avante consegue chamar a marcação e driblar o adversário, o meio de campo preenche os espaços do ataque e se transforma em enxame… e daí por diante. nessa hora é que aparece o treinador. daí, o chamusca está desenvolvendo em campo com as peças que tem sua plena evolução tática.
    abçs

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + dezesseis =