Futebol do Povo

Fortaleza: entre o pragmatismo e a superstição

2040 35

Por Alexandre Gonzaga *
Autor convidado

O Fortaleza EC precisava de um empate diante do Confiança-SE, em Aracaju, para se classificar automaticamente para a fase seguinte da Série C, depois das derrotas de Cuiabá-MT e Remo-PA na véspera. Mas perdeu e acabou mesmo por escapar de uma goleada.

Inconsistente e previsível, o Tricolor de Aço abriu espaços para o time sergipano atacar com relativa facilidade o último terço do campo (parece ter virado rotina) e mostrou-se lento nas transições defesa-ataque. O Leão do Pici continua necessitando apenas de um empate no último jogo da primeira fase diante do Moto Club-MA no próximo sábado, mas o desempenho da equipe tem deixado a torcida tricolor apreensiva.

O Leão já não conseguirá classificar-se para a fase seguinte como campeão da sua série ou no segundo lugar, algo inédito nos últimos cinco anos com exceção de 2013, ano em que o Tricolor do Pici não passou ao mata-mata. Desde o início do atual formato da Série C, o Fortaleza EC foi campeão da primeira fase quatro vezes e nas quartas de final decidiu o acesso sempre em casa.

Os torcedores mais supersticiosos acreditam que uma classificação do Fortaleza para a próxima fase nestas condições poderá significar um eventual regresso à Série B; mas os tricolores mais pragmáticos preferem aguardar o jogo de sábado diante do time maranhense para voltarem a sonhar com o acesso.

O técnico Antônio Carlos Zago terá que gerir esta tensão durante a semana. Sábado, a torcida tricolor espera um time competente, sério e comprometido com o resultado, justamente para que não se repita o desastre de 2013, que resultou num resultado comprometedor contra o também clube maranhense Sampaio Corrêa e que ditou a eliminação do Fortaleza ainda na primeira fase.

Balanço do Grupo A da Série C desde 2012:

2016

Classificação final: Fortaleza (1º), ABC-RN (2º), Botafogo-PB (3º) e ASA-AL (4º)
Subiu: ABC-RN

2015

Classificação final: Fortaleza (1º), Asa-AL (2º), Vila Nova-GO (3º) e Confiança-SE (4º)
Subiu: Vila Nova-GO

2014

Classificação final: Fortaleza (1º), CRB-AL (2º), Salgueiro-PE (3º) e Paysandu-PA (4º)
Subiram: CRB-AL e Paysandu-PA

2013

Classificação final: Santa Cruz-PE (1º), Luverdense (2º), Treze-PB (3º) e Sampaio Corrêa-MA (4º)
Subiram: Santa Cruz-PE e Sampaio Corrêa-MA

2012

Classificação final: Fortaleza (1º), Luverdense (2º), Icasa-CE (3º) e Paysandu-PA (4º)
Subiram: Icasa-CE e Paysandu-PA

*Alexandre Gonzaga é jornalista e chegou ao Ceará em 1999. Trabalhou com produção de TV e imprensa em Portugal. É um apaixonado por futebol.

Recomendado para você