Futebol do Povo

Ceará: acesso para a Série A vale, no mínimo, R$ 30 milhões a mais de receita

8844 34

Restam 10 jogos para o fim da Série B e o Ceará, com 48 pontos, está no G-4 da competição. Comandando por Marcelo Chamusca desde a 10a. rodada, o elenco precisa somar 17 dos 30 pontos que restam para chegar aos 65 e garantir matematicamente um acesso que representaria aos cofres do clube uma receita de pelo menos R$ 30 milhões a mais de receita em relação a 2017. Assim, o orçamento geral do clube que hoje gira em torno de R$ 30 milhões, saltaria para o dobro.

A mudança de patamar financeiro de um time que sobe da Série B para a Série A começa com as cotas de TV. O Alvinegro recebeu neste ano R$ 5,2 milhões. Em caso de acesso o contrato com a Rede Globo, que envolve todas as plataformas, já foi acertado: R$ 32 milhões, ou seja, seis vezes mais.

Já o atual compromisso de patrocínio com a Caixa estipula R$ 2,4 milhões anuais. Esse valor dobraria com o time na elite, chegando aos R$ 4,8 milhões.

O programa Torcedor Oficial do Ceará hoje gera uma receita em torno de R$ 250 mil reais por mês ou R$ 3 milhões por ano, consideravelmente abaixo do que um dia já representou. A projeção com o clube na Série A é de um incremento significativo de mais de R$ 300 mil mensais, o que geraria R$ 3,6 milhões extras.

Assim, o valor agregado desses três dados que hoje representam R$ 10,6 milhões saltaria para R$ 40,4 milhões, uma diferença de cerca de R$ 30 milhões. Ocorre que certamente a arrecadação de bilheteria também teria um aumento relevante. Fazer 19 jogos como mandante na Série A agrega potencial enorme. Se hoje na Série B o clube tem cerca de 13 mil pagantes por partida com ticket médio de cerca de 11 reais da renda bruta, esses números tendem a dobrar com a equipe no Brasileirão.

Evidente que tão importante como subir é a manutenção da equipe para 2019, até porque os valores envolvidos de cota vão aumentar ainda mais. O Ceará, para TV fechada, já tem contrato com o Esporte Interativo e para TV aberta negociará com a Rede Globo em outra esfera de valores, superior aos R$ 32 milhões para 2018.

Ao mesmo tempo em que passará a ter muito mais receita, o Ceará terá que aumentar as despesas. Para se manter na Série A será preciso uma folha de pelo menos R$ 2 milhões por mês, mais do que o dobro da atual. Quando subiu em 2009 o Alvinegro conseguiu se manter na Série A em 2010 para cair em 2011. Hoje a estrutura do clube é bem melhor do que naquela época. Muitos dirigentes que viveram aquela experiência seguem e também podem e devem usar os exemplos para construir um caminho mais duradouro na elite do futebol brasileiro. Caminho que passa por preparar um pacote que inclua a contratação de executivos para áreas principais e profissionalizando o máximo possível o Ceará.

Recomendado para você

34 Comentários

  • Sérgio Filho disse:

    As cotas de TV são ótimos valores, mas acho extremamente desleal quando se concorre com as cotas dos grandes times.

    Lembro de um ano em que o Náutico estava na Série A, recebeu uma cota de 20 Milhões e o Corinthians recebia uma cota de 150 Milhões. São ótimos valores para investir no próprio clube, mas acho desleal para competir com os demais. E é porque ainda estou falando dos grandes times, pois os considerados médios (Bahia, Sport, Vitória, Coritiba, Atlético-PR, Goiás) recebem cotas superiores também.

    Contudo, como o futebol brasileiro está nivelado por baixo há algum tempo, acredito que dentro de campo a diferença não é tão gritante. Basta ver Ponte Preta e Chapecoense, que também recebem cotas inferiores aos demais e sempre montam equipes competitivas.

    Como o Ceará é um Clube organizado no quesito administração, acredito que a diretoria saberá investir e gerar bons frutos para o futuro.

    Sem dúvida, Sérgio, mas essa diferença que hoje é monstruosa e cruel, vai diminuir um pouco a partir de 2018 e 2019. A distribuição será mais igualitária, com uma base fixa e levará em conta desempenho também. Valeu
    FG

    • Sérgio Filho disse:

      Graziani, pegando esse gancho de seu comentário, você tem noção dos valores que o Fortaleza irá receber ano que vem? Em relação ao desempenho que será levado em consideração, isso será de acordo com os últimos anos ou ao momento atual?

      Sérgio, já fizemos no impresso sobre isso: R$ 10 milhóes -https://www.opovo.com.br/jornal/esportes/2017/09/acesso-rende-mudanca-de-patamar-financeiro.html
      Abraço
      FG

    • Leandro Gonçalves disse:

      Será que um dia ainda veremos um campeonato brasileiro nos moldes da premier league?

      Enquanto tivermos a emissora carioca como a única detentora dos direitos de trasmissão em cadeia aberta,esse dia não chegará nunca!

      Seria demais para o nababesco ego deles ,e nisso também incluio os grandes meios de comunicação do chamado eixo,ver os clubes nordestinos lutando em pe de igualdade com os seus tradicionais apadrinhados…

  • Barroso disse:

    Graziani, bom dia!

    Teria como fazer um breve resumo também do fortaleza? Ficaria grato.

    Grande abraço, você é um profissional excelente.

    Oi Barroso. Já fizemos do Fortaleza e o total é de R$ 10 milhões de reais a mais, no mínimo.
    A matéria foi no impresso, nesse link https://www.opovo.com.br/jornal/esportes/2017/09/acesso-rende-mudanca-de-patamar-financeiro.html
    Abraço.
    FG

  • Júnior Alvinegro disse:

    Tendo essa projeção de precisar fazer 17 pontos para subir, vejo a seguinte situação:
    Na minha opinião, o Ceará tem obrigação de vencer esse 4 jogos em casa: Figueirense, Guarani, Paysandu e ABC. Seriam 12 pontos ganhos.
    Então teria que conseguir 5 pontos nos outros 6 jogos: Paraná (casa) e Oeste, Internacional, Juventude, Goiás e Criciúma (fora).
    Apostaria em vitória sobre o Criciúma e empates com Paraná, Oeste e Goiás. Mas como estamos falando de futebol, tudo pode acontecer.
    Só resta aguardar e ver o que acontece.

  • Nilo Saraiva disse:

    Parabéns pela matéria jornalística, Graziane. Informações e dados importantes para o leitor.
    O acesso do Vozão (ou de qualquer outro time) não se limita apenas a parte desportiva, também é uma questão de sobrevivência financeira. O clube que recebe 5 mil e poderá receber 30 mil só de TV fala por si. Diferença gigantesca.
    O Ceará precisa subir e se manter na Série A. Tem estrutura e torcida para tal.

  • Antonio Luciano disse:

    Um excelente aumento de receita!
    Mesmo que represente perda da competitividade!

  • José disse:

    O Ceará está bem na tabela da série B, mas poderia estar melhor. Se conseguir o acesso será nos acréscimos, ou seja na última rodada.

  • Eugenio Costa disse:

    Um dos melhores posts das últimas semanas.

    Claro que ainda faltam 10 jogos e isso é coisa pra caramba! Mas é bom sempre ter em mente os benefícios e vantagens de um acesso.

    O Ceará luta por isso desde 2012 e vem ficando no “quase” ano após ano. Talvez tenha chegado a hora. Em termos de estrutura, acredito que o clube esteja preparado para subir e se manter na elite. O grande problema é o departamento de futebol, que notadamente sempre enfrentou muitas dificuldades para contratar bem. Outra coisa que me preocupa é o pouco aproveitamento da tal “prata de casa”, mesmo após a compra do CT. Tá certo que temos aí 2 bons exemplos de atletas feitos em casa (Raul e Arthur). Mas é pouco ainda. Ceará tem investido muito em categorias de base para ter apenas 2 atletas entre os 18 principais que vêm sendo utilizados na série B (nem Raul nem Arthur são titulares ainda).

    Ninguém é bobo. Todos sabemos que permanecer na série A depende MUITO da competência do departamento de futebol.

    Que Deus nos ajude agora, na subida, e que Deus nos ajude mais ainda na permanência na série A (beeeeeeem mais difícil do que subir).

  • Leandro Gonçalves disse:

    Materia pra ser impressa e colada em todos os comportamentos de Carlos de Alencar Pinto!!!

    O clube deve buscar o acesso,custe o que custar…! Estamos no pareo…garantir o acesso antes da ultima rodada seria o ideal para os nossos ja combalidos sistemas cardíacos. Mas se chegar no último jogo dependendo apenas de si é uma situação que também é vital…

    Agora esse atual presidente ( que pela força dos Deuses terá o seu último mandato) é tão azarento que no único ano de seu “trabalho ” em que o clube tem condições reais de acesso,eis que temos o campeonato mais equilibrado dos últimos anos,com equipes vindo da serie C incomodando ,clubes que quase fecharam as portas como o parana clube,renascendo,sem contar na ja habitual participação de um clube grande na SÉRIE B – esse ano com o inter! Paciência! É trabalhar forte,muita concentração e exigir seriedade – inclusive,ponto para diretoria quando suspendeu o tricolor Cametá e o fanfarrão do Fernando Henrique para o último jogo. Exerceram aquilo que faltou em todo o ano de 2016- comando!

  • JEFFERSON TEIXEIRA disse:

    Parabéns pela matéria!

  • JOAO FROTA disse:

    OU SEJA, O VOZÃO DARIA UM GRANDE SALTO DE QUALIDADE E SE FIRMARIA AINDA MAIS COMO O CLUBE MAIS ORGANIZADO E PODEROSO DO FUTEBOL CEARENSE E UM DOS MAIS PROMISSORES DO FUTEBOL BRASILEIRO. ISSO É FRUTO DE UM TRABALHO DE DÉCADAS. NÃO É DA NOITE PARA O DIA. O PONTA PÉ COMEÇOU EM 1993 COM O PROJETO CEARÁ 2000 E VEM SE ESTENDENDO AO LONGO DESSES ANOS COM OS NOVOS MODELOS ADMINISTRATIVOS IMPLANTADOS NO CLUBE, COM MAIS PROFISSIONALISMO E A UNIÃO DE TODOS OS SETORES QUE FORMAM O CEARÁ: DIRETORIA, TORCIDA E A FORÇA DA IMPRENSA QUE AJUDA A DIVULGAR NÃO SÓ O CEARÁ, MAS TODOS OS TIMES DO NOSSO FUTEBOL TAMBÉM.

  • se os torcedores da TERCEIRA já estavam secando o CEARA ,imaginem depois dessa noticia mostrada pelo Graziani. imaginem o CEARÁ em 2018 na Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Na Série A, agora somem as cotas que ele vai receber nas três competições, depois somem com as rendas dos jogos contra Flamengo, São Paulo, Corinthians, Palmeiras, Vasco,

    o problema maior será a falta de LIGAS para amarrar tanto dinheiro.

  • Botelho Pinto disse:

    Na verdade, o LEÃO DO PICI faturará no acesso para a Série B ( por enquanto), sem contar com as rendas, incluindo as cotas da CBF e da TV, e ainda contando com os patrocinadores e sócios torcedores uma faixa de 20 a 25 milhões de Reais.
    Dados matemáticos e estatísticos.
    SAUDAÇÕES TRICOLORES!

  • MIKAEL disse:

    O Ceará na Série A de 2011 cometeu muitos erros, principalmente no segundo turno, não reforçaram o elenco, perdemos jogadores importantes do elenco para times da Série B, Geraldo e Iarley é preciso muito cuidado para não endividar o clube e ir na onda de empresários oportunistas e jogadores sem compromisso do sul-sudeste do Brasil.

  • Mimimi 47 ,o penta que nunca houve disse:

    Devo dizer aos kanalences que vocês subirem este ano para a série A,é um sonho.
    Por sinal impossível de se tornar realidade .
    Por um simples motivo .
    O time de vocês é muito ruim.
    Kanal vocês não tem estatura nem tradição para uma série A.
    O único com está condição aqui no estado é o maior ,Fortaleza Esporte Clube.

    Portanto ,segura o c…….kanal que 2018,vão levar muita sola .

    Fortaleza Sempre!
    Fortaleza até a Morte!

    • JOAO FROTA disse:

      COMO É 15C? TEU TIME TEM 15 ANOS DE TERCEIRA DIVISÃO E TU AINDA SE ACHA? É MUITA GAIATICE VIU. E NÓS NÃO TEMOS ESTRUTURA DE SÉRIE A? AGORA IMAGINA VOCÊS: 08 ANOS DE TERCEIRA DIVISÃO. MACHO, TEM MUITO GAIATO NESSE MUNDO MESMO.
      PELO MENOS O CEARÁ NUNCA FOI DE TERCEIRA, FOI VICE- CAMPEÃO DO NORDESTE EM 2014, CAMPEÃO INVICTO DO NORDESTE EM 2015, FOI PARA A COPA SUL AMERICANA EM 2011, FOI TETRA CEARENSE EM 2014, FOI SEMI-FINALISTA DA COPA DO BRASIL EM 2011. TUDO ISSO ENQUANTO VOCÊS ESTAVAM ATOLADOS NA TERCEIRA DIVISÃO.
      QUER SABER QUEM TEM MAIS ESTRUTURA E PRESTÍGIO? DÁ SÓ UMA OLHADINHA NOS RANKINGS DA FCF, DA CBF E DA CONMEBOL.

    • Claudio disse:

      A catinga de série C não vai sair desse aí nunca

    • Paulo Costa disse:

      Mimi, o tempo do gol que você marcou no FORT (15 C) jogando pelo Ferroviário foi aos 48 minutos, e não aos 47 minutos..

      o CEARÁ que NÃO precisa de dinheiro do Eduardo Girão (empresário) para pagar os salários atrasados do time, como aconteceu recentemente com o FORT (15 C).

      o CEARÁ não precisa que um empresário (Ribamar Bezerra) construa um CT com dinheiro próprio e depois por caridade empreste o CT ao CEARÁ.. o CETEM do CEARÁ
      está sendo PAGO pelo CEARÁ, e após serem PAGAS todas as parcelas,o CETEM será de propriedade do CSC, e não de um empresário torcedor do CEARÁ.

    • Criança de 8 anos disse:

      Tio finalmente vou ver o leão na série b

  • VOZAO disse:

    mimi coitado sabe de nada inocente kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Magal disse:

    Mikael estou contigo e temos que valorizar a prata da casa para vender por preço justo, não dando de graça como muitos que está sendo levados por empresários oportunistas.
    Quero dizer também que este mími 47 já esqueceu o estrago que fez o mimi 48? Kkkkkkkkkkk

  • sofredordovozao disse:

    Só 30 milhoes?

    Isso ai e dinheiro de troco pro clube mais rico do NO/NE !!!

    Da-lhe Vozao !!!
    Da-lhe Robinson !!!
    Da-lhe Chamusca !!!

  • Mimimi 47 ,o penta que nunca houve disse:

    Ainda dói aquele gol aos 47 do segundo tempo, não é?
    Pobres na kalences,Quá quá quá quá quá quá!
    Sim o kanal não precisa de empresários por um motivo simples,só tem torcedor liso.
    O dinheiro que aparece agente sabe são as ONG’s que recebem doações.
    Eita kanal pra feder!

    Segura o c…….kanal!
    2018 vai levar muita sola do Leão!

    Fortaleza Sempre!
    Fortaleza até a Morte!

  • marcelo freixo disse:

    o time do ”PENTAFANTASMA”(1915-16-17-18-19),REI DOS ”CAMBALACHOS” VIA TJD-CE,30 ANOS DE SERIE B,RECORDISTA NACIONAL,tem memoria curta,o EUGENIO RABELO,EULINO OLIVEIRA,ANTONIO GÓIS entre outros nao eram EMPRESARIOS?A ARROGANCIA já está os fazendo DELIRAR…

    • valterlan disse:

      Pelo modo como Carlos Lima fala, o kanal nunca precisou de dinheiro de empresario para sobreviver, quem é de fora do estado e lê as postagens dele pensa que sempre foi assim como ele fala, e como o kanal administrativamente é uma caixa preta, com certeza continua assim empresários ajudando mas não sendo divulgado, pois os repórteres que vivem por lá são proibidos de dizer noticias ruins sobre o kanal.

      • Paulo Costa disse:

        Valterlan, o Ceará era assim décadas atrás com ( Antonio Goes, Eulino etc..) mas desde 2009 com o Evandro Leitão, que o Ceará mudou, diferente do seu time o
        FORT (15 C) que continua com as mesmas práticas de precisar que torcedores (empresários ) tirem dinheiro das suas empresas para pagar as contas do time.

        teu time continua recebendo dinheiro do Renam Vieira, Ribamar Bezerra, Eduardo Girão etc… ou seja um time AMADOR.

    • Paulo Costa disse:

      Marcelo, você acha que pode zoar o CEARÁ por ter jogado 30 anos na Série B, quando o teu T (FORT 15 C) jogou 15 anos na SÉRIE C ???

      eu prefiro ficar 100 anos na SÉRIE B, jogando contra INTER, Palmeiras, Botafogo, Corinthians, Vasco ( times que jogaram na SÉRIE B contra o CEARÁ ) do que ficar
      15 anos na SÉRIE C ( jogando contra CUIABÁ, águia de Marabá, São Raimundo, etc)

      cuidado para não repetir 2009 e ser REBAIXADO outra vez para a SÉRIE C.

  • Paulo Costa disse:

    se qualquer torcedor do FORT (15 C ) for pesquisar o passado do seu time, principalmente no inicio da década de 90, quando ele iniciou a sua SAGA de SOFRIMENTO na Terceira Divisão
    (1990,1995,1996,1997,1998,1999) vai sentir muita VERGONHA..

    (1987) 13a colocação (6 pontos)
    (1990) 8a colocação ( 7 pontos )
    (1995) 9a colocação ( 27 pontos )
    (1996) 18a colocação ( 15 pontos )
    (1997) 52a colocação ( 5 pontos )
    (1998 ) 39a colocação (23 pontos )
    (1999) 21a colocação ( 13 pontos )

    vergonha do Futebol Cearense tem um nome: FORT (15 C )

    • marcelo freixo disse:

      e o ”PENTAFANTASMA”?(1915-16-17-18-19)CONSEGUIDO DA NOITE PRO DIA?EIS A GRANDE ”VERGONHA” E ”MUTRETAGEM” DO FUTEBOL CEARENSE DE TODOS OS TEMPOS….

  • Valdemir Felipe disse:

    FG! Parabéns pela reportagem. Acho que o VOZÃO tem que tirar 10 milhões e investir num Estádio para 30 mil pessoas, e parar de alugar o PV. Jogar no Castelão só Grandes Jogos! Com 10 milhões de entradas, e vendas de 5000 Cadeiras Cativas, e buscar alguns parceiros, dava sim para bancar a Construção. #ArenaVozão @CearáSporting

  • Depois, no título. No fim das contas, a recompensa chega!

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + nove =