Futebol do Povo

Humberto Aragão desiste e Evandro Leitão será presidente do Conselho Deliberativo do Ceará

4541 16

Evandro Leitão. Foto: Fabio Lima

Uma decisão tomada faz duas semanas mudou a eleição do Conselho Deliberativo do Ceará, que será realizada no próximo dia 10 de dezembro. Ex-presidente do clube, Evandro Leitão optou por entrar na disputa, algo que não vinha sendo cogitado até então.

Inicialmente ele concorreria com Humberto Aragão, atual presidente do Conselho Deliberativo – já eram oito anos na função – e que gostaria de permanecer no cargo, mas após algumas negociações, Aragão optou – e avisou aos demais conselheiros do clube via mensagem de whatsapp recentemente – sua desistência da disputa em nome da instituição e do consenso, em que pese se dizer bastante decepcionado pelos acontecimentos.

Assim, Evandro Leitão estará de volta ao Ceará em um cargo relevante dentro do clube, com mandato de quatro anos. Não está oficializado o grupo completo, mas Castelo Camurça será o primeiro vice e Savio Amorim o segundo vice, compondo a chapa única.

Via Instagram, Robinson de Castro, presidente do Ceará e reeleito recentemente para mais três anos de mandato, agradeceu efusivamente pelo trabalho de Humberto Aragão.

“Ao Presidente Humberto Aragão, o meu muito obrigado. Você é um grande alvinegro. Tenha plena consciência e certeza de que você honrou e dignificou o nosso Ceará Sporting Club durante todo o tempo em que esteve presente nessa instituição. Sou muito grato por todo o apoio que me deste. Nos momentos mais difíceis, você sempre esteve do nosso lado. Sempre me corrigiu de forma amiga. Não canso de falar da sua lealdade e hombridade. Hoje, você deixa o Conselho Deliberativo do Ceará S.C muito maior, mais organizado e com muitos conselheiros, que, graças ao seu empenho e dedicação, tiveram a oportunidade de ficar ainda mais próximo ao clube”, escreveu.

Recomendado para você

16 Comentários

  • Leandro Gonçalves disse:

    O Evandro ouviu o clamor da torcida. Não volta como nós gostaríamos-na presidência . No entanto já é um alento saber que temos alguém de pulso mais firme e que com certeza não permitirá tantas omissões e erros por parte da atual direção, que vai se reeleger. O conselho deliberativo atual é de uma inoperância e insignificância absurdas. Estava na hora de mudanças…O clube não pode parar no tempo.

  • josé disse:

    EU DETESTO POLÍTICOS INFILTRADOS NO MEU CLUBE…….. POLÍTICOS É SINÔNIMO DE QUE? ISSO MESMO QUE VOCE PENSOU!

  • NILTON CESAR disse:

    Pode piorar mais?
    O que tá péssimo, agora piorou. E nós vamos pirar.
    É desencorajador.
    Preparando o projeto político para eleição de 2020.
    Esses FDP’s sabem que ninguém querem eles no VOZÃO, O MAIS QUERIDO mas insistem em ficar, claramente por fins eleitoreiros.
    A torcida não aguenta mais políticos dentro do clube.

    SA

  • Leandro Gonçalves disse:

    Sinceramente, Valterlan Jr? Pior não fica… Pelo menos eu acho…No mais é o Ceará que está em jogo. Ou se unem ou clube vai à ruína como na década passada, marcada por crise financeira mas sobretudo por desunião entre diretores e conselheiros.

  • Robson disse:

    Cozinha nova à caminho !

    Kkkkkk….

    Vai morrer sem nacional !

    Saudações Campeãs !
    Saudações Tricolores !

    • 15 C ? Nãoooo disse:

      Título nenhum apagará os ridículos 15 anos de terceirona. da vergonha do nordeste.

    • Kamui-ce disse:

      Torcedor do Fortaleza falando em cozinha? deveria era sentir vergonha das declarações do Ceni a respeito da estrutura do seu time… o cara saiu do Céu, do São Paulo modelo de estrutura para os clubes brasileiro; para o inferno, o Fortaleza um dos grandes do futebol do nordeste menos estruturado… o Ceni deu varias entrevistas e só o que a gente via era precariedade ao redor. mas deu certo apesar de tudo. ele foi verdadeiro e mostrou a verdade de um clube parado no tempo.

      Não é querendo ser soberbo, mas para quem quase ganhou um nacional de respeito, um titulo de acesso não é grande coisa, o torcedor do Ceará não vai ficar tão chateado com isso… afinal de contas, já temos nosso titulo nacional sobre o rival: Nunca fomos de terceira! heheh esse é mais importante pra gente.

      • Ro disse:

        Torcendo por um time que tem como maior “conquista” não ter jogado a série C, e com um presidente que se orgulha de uma cozinha, você não conseguiria ser soberbo mesmo que tentasse.

        Além disso, construir uma cozinha decente, só exige certo numerário disponível. Difícil mesmo é jogar um mesmo campeonato 30 vezes e nunca ter sido sequer vice. Esse sim um feito digno de nota. Talvez único no mundo.

        Agora, falar de um “quase título” que seu clube “quase ganhou” é mediocridade demais. Ilustra bem a diferença atual entre as duas torcidas: enquanto uma comemora o maior título do futebol alencarino com quebra de recordes para o futebol nordestino, a outra se apega a uma cozinha, ao fato de nunca ter disputado uma série , a um “quase” título, um penta fantasma…

        Nacional que é bom….

        • Kamui-ce disse:

          Esse nosso”quase” vale lembrar: foi eliminando o Palmeiras da parmalat, um dos times mais dominante da historia; eliminando o internacional; e só não ganhamos o titulo em cima do Grêmio porque o arbitro(Oscar Roberto Godoy) deixou de marcar um pênalti claro e ainda expulsou Sérgio Alves, por puro preconceito contra NÓS cearenses, não poderíamos representar o Brasil na Libertadores… lamentável tamanha injustiça.

          Já o seu gigante Fortaleza tem duas estrelas de “quase” na camisa, e você ainda quer discutir? não sabia desse fato histórico? para não dizer cômico… esse “quase” de vocês foi assim:

          Taça Brasil 1960: campeonato confuso e quase na totalidade regional, Fortaleza chegou a final sem enfrentar os times do sul-sudeste. na final perdeu em casa e fora no placar agregado: Palmeiras 11 x 3 Fortaleza.

          Taça Brasil 1968: campeonato confuso e quase na totalidade regional, Fortaleza chegou a final sem enfrentar os times do sul-sudeste, e ainda Santos e Palmeiras abandonaram a competição por desorganização da competição. na final o placar agregado foi: Botafogo 6 x 2 Fortaleza.

          2 vices aquém da disputa técnica(claramente não merecia) e que hoje são estrelas no escudo do Fortaleza. não à toa só valia brasileiro de 71 em diante, e hoje por manobra politica da corrupta CBF liberou tudo pra satisfazer a velharia dos dirigentes corruptos dos clubes.

  • carlos disse:

    O Ceará o time é talvez o único no Brasil que não elege o seu presidente, aclama, tanto a diretoria executiva como o conselho, diferente dos outros clubes do Brasil que tem no mínimo duas chapas.

  • Vítor Nobre disse:

    Só não está de papel passado,mas hoje o grupo de Evandro/Robinson é dono do Ceará. Cadê a oposição ? Qualquer gestão sem uma oposição atenta e fiscalizadora,vira feudo!

  • Mario Ribeiro disse:

    Excelente notícia! Com a volta do maior presidente da história do futebol cearense ao Vozão seremos ainda mais fortes nos próximos anos. #MaiorDoEstado

  • Kamui-ce disse:

    Espero e acredito que tenha voltado para profissionalizar de vez o clube. ao menos tem que coibir o Presidente de praticar amadorismo na formação do elenco. apesar que o Robinson foi diretor de futebol na presidência do Evandro, mas isso quando o Ceará não tinha condições e status atual.

    Torcedor tem todo direito de não querer politica envolvida no club, infelizmente o Ceará sofreu muito com isso, perdeu potencial de grandeza… mas, o Evandro já provou e comprovou o compromisso com o nosso Ceará, enfrentou com aponho da torcida problemas graves e conseguimos tirar o time da lama, pensou pra frente quando adquiriu o CETEN. hoje só precisamos acertar a parte de futebol, ficar na serie A por um bom tempo, mudar de patamar.

  • OMAN disse:

    O CSC pulou este ano a grande fogueira de sua história ao não ser rebaixado (não será , mesmo faltando essas duas rodadas). E seria por conta de um presidente organizado administrativamente , mas que não entender bulhufas de futebol, ao ponto de ter trazido e, pior, MANTIDO, para a série A o INACREDITÁVEL e MEDÍOCRE treinador MARCELO CHAMUSCA , que embora idolatrado por alguns , inclusive por segmentos da imprensa da e blogueiros, nunca me enganou. Ainda na série B, como o CSC no G4, eu falava de suas limitações notórias e, ao final do ano, dizia ser um erro manter aquele moço como treinador. A teimosia e, pior , o completo desconhecimento da matéria prima chamada futebol, manteve o limitadíssimo Chamusca e o resto todos sabem. O CSC fez os primeiros jogos na série A de um modo que envergonhou a torcida alvinegra o e todo o grupo de atletas. A covardia é maior que a do time mais patético do campeonato local jogando contra Ceará e Fortaleza. Para piorar, os discursos pós-jogo daquele treinador que nunca deveria ter passado na porta do CSC era, subliminarmente, de jogar a camisa, com seus chavões que nunca disseram nada e que só enganavam os analfabetos funcionais do futebol.
    A formação do elenco (também a cargo desse moço , do presidente e do gestor de futebol contratado), é uma tragédia. Não pelas peça individuais em si , já que há grandes jogadores que se destacam basicamente no setor defensivo e na primeira parte do meio-campo (na parte defensiva), mas a formação ofensiva é de chorar , tirando um ou outro. Mesmo figuras que alcançaram algum destaque ocasional, como Leandro Carvalho, tem a qualidade e a inteligência e um jogador de várzea , incapaz de correr pelo campo de cabeça erguida e olhar para um companheiro ou pra frente antes de realizar u m passe ou concluir em gol, sem falar a péssima qualidade do chute (acerta 3 erra sete em dez). E Calysson? Só ontem foi colocado três vezes na cara do goleiro e errou as três , da forma mais absurda possível. Isso para não falar de Felipe Azevedo, sem comentários. Falo tudo isso para dizer, em conclusão, que o preço altíssimo que poderia ser pago teve origem no erro no final de 2017, ao deixar Chamusca no comando, e levar as coisas em banho maria formando um elenco horrivelmente mal estruturado. Deve vez LISCA, com trabalho e firmando a sua competência, tirou do grupo toda a qualidade e esforço possível e impossível. Mas repetir esses mesmos erros será fatal . Que nunca mais isso ocorra no CSC e que tenham aprendido a lição.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 16 =