ID

‘Pílula de energia’ para smartphones é desenvolvida por chinês

MINIPOWER

Os smartphones se tornaram um item praticamente indispensável atualmente. Um problema que tem se tornado cada vez mais freqüente é a duração da bateria dos modelos mais atuais.

Mesmo com o avanço da tecnologia ao desenvolver câmeras com melhores resoluções e telas com a capacidade de identificar a identidade digital de seu usuário, as baterias continuam a atormentar a vida dos usuários mais aficionados. No mercado já estão disponíveis alguns modelos de carregadores portáteis, que ajudam em momentos sem nenhuma tomada por perto, mas ainda assim estes aparelhos precisam ser recarregados para serem utilizados novamente.

Pensando nisso, foi criada a Mini Power. Desenvolvida pelo chinês Tsung Chin-Khse e premiada no  Red Dot, Award (premiação internacional de design conceitual), ela é uma espécie de “pílula de energia” para os smartphones.

O seu objetivo é servir como uma medida de emergência, dando uma carga de 2, 4 ou 6 horas ao celular em que for utilizada. Além da praticidade devido ao seu tamanho, a Mini Power ainda é sustentável, visto que o produto é feito a partir da celulose. Apesar de sua bateria possuir elementos químicos nocivos à natureza, como o lítio, Tsung defende que ela poderia ser descartada de uma forma mais prática se em comparação com as baterias convencionais, podendo ser entregue em qualquer ponto de venda após o uso.

Até o momento a Mini Power é apenas um projeto conceitual e não possui uma data de inicio de vendas. A idéia é que quando inicie ela seja vendida desde supermercados até máquinas parecidas com aquelas onde podemos comprar latinhas de refrigerante.

O que você achou da idéia?

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + seis =