ID

“Fadas do deboche”: a história das meninas que conquistaram a web

Uma menina de cabelos claros, com cara de poucos amigos, uma sacola de plástico em um braço e um cachorrinho no outro. Camiseta branca e saia longa. Se você passa algum tempo pelas “terras da internet”, já deve ter visto essa imagem por aqui.

Menina “debochada” conquista a web. (Reprodução/Youtube)

O meme, utilizado para ilustrar situações de extremo deboche e indiferença pelas quais todos passamos, surgiu de um dos vídeos de outra personagem muito conhecida entre o público jovem, a missionária e cantora mirim Vitória de Deus (que há algum tempo também virou meme e consquistou o carinho da internet).

No vídeo em questão, a menina Vitória aparece em primeiro plano, cantando uma música gospel de maneira bastante apaixonada, em uma praça, enquanto algumas pessoas em volta prestigiam e escutam. O vídeo já seria interessante se o foco fosse somente esse, até que o primeiro internauta aponta a brilhante participação de duas meninas da “plateia”, que roubam a cena com as caras e bocas que fazem (não precisavam, mas elas ainda seguram um cachorrinho fofo).

AS MENINAS

Nas últimas semanas, fotos e vídeos das “Deboche Girls” ganharam mais repercussão na web e o meme, despretensioso, fez muita gente se perguntar onde estariam e como vivem as “fadas”, que é como são chamadas as figuras que ganham destaque positivo (ou não) entre os internautas.

Uma equipe do blog ‘Mixturando‘ e da TV Meio Norte foi atrás das irmãs e conversou com elas e com a família. Segundo o blog, as meninas vivem com o pai, a mãe e mais cinco irmãos em uma casa bem simples, de um cômodo na cidade de São Paulo. Os pais são de Alagoas, mas vivem na capital paulista há 16 anos. Ele, deficiente, e ela, vendedora ambulante, enfrentam muitas dificuldades para sustentar a família.

Comunicativas, Erivânia Santos, 9, a “Braquinha”, como é chamada pelos conhecidos, e Edivânia, 11, que gosta de ser chamada de “Bebeu”, explicaram a ocasião em que foram filmadas:  “Eu achei engraçado ela (a “missionária” Vitória de Deus) pregando, o jeito dela falando. Eu tinha ido comprar umas balas e ‘tava’ com meu cachorro”, relembrou Branquinha.  Elas também falaram com muita alegria e gratidão sobre a repercussão positiva nas redes sociais.

Branquinha e Bebeu moram com os pais e mais 5 irmãos em uma casa simples em São Paulo. Família pede ajuda aos fãs. (Foto: Mixturando)

 

Devido à repercussão, Branquinha e Bebeu criaram uma conta no instagram para interagir com os fãs (@fadasdodeboche) e já contam com mais de 22 mil seguidores. Para seguir as meninas, porém, não é preciso ser extremamente debochado. Não necessariamente.

Frioooo

A post shared by Branquinha & Bebeu (@fadasdodeboche) on

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *