ID

Noiva deixa madrinhas livres para escolha de roupa e irmã vai de T-Rex ao casamento

Deanna Addams queria casar, mas sem preocupações. Quando a irmã dela, Christina Meador, perguntou que roupa deveria usar como madrinha da cerimônia, respondeu: “qualquer coisa da sua escolha”. A madrinha levou a sério o conselho. Dispensou os vestidos tradicionais, embarcou na moda pré-histórica e foi ao casamento, no dia 11 de agosto, fantasiada de T-Rex.

Deanna e o marido, Joby, casaram na propriedade da família em um cerimônia íntima. A noiva vestiu o tradicional branco e o marido e os padrinhos seguiram um dress code mais aproximado. Mas parou por aí. Foram quatro madrinhas e duas damas de honra, cada uma com um modelito diferente. Nenhum tão ousado quanto da T-Rex Christina.

“Cerca de um ano atrás, minha irmã mais velha me mandou uma mensagem perguntando se eu seria sua dama de honra”, disse Christina à Fox News. “Ela, sabendo que eu não sou muito fã de vestidos formais e que provavelmente não teria muito dinheiro para comprar algo realmente bom, me tranquilizou, informando que eu poderia escolher qualquer roupa”, relembra a irmã da noiva.

Publicado por Deanna Adams em Segunda-feira, 12 de agosto de 2019

A madrinha chegou a comprar um vestido comum, mas, após perder peso, a peça não coube mais nela. Foi aí que a imaginação passou a derivar. Pensou em usar uma fantasia da série britânica Doctor Who. Mas, ao fim, chegou ao répteis do Cretáceo. Sondou a noiva sobre o modelito e resposta foi simples: sim.

Na semana seguinte, uma dinossauro chegava ao casamento de Deanna, carregando um buquê e de braços dados com um padrinho. Christina postou a imagem no Facebook e a publicação fez sucesso, com mais de 36 mil compartilhamentos e 10 mil comentários.

A despeito de observações críticas de que Christina desrespeitou o casamento da irmã, Deanna diz apoiar totalmente o traje. “Minha irmã é incrível e eu realmente não estava brincando quando disse que ela poderia vestir o que quisesse”, disse a recém-casada no Facebook. “O objetivo era me casar com o homem que me trata como se eu pendurasse a lua, e nós fizemos essa parte”, acrescentou.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis + quatro =