ID

Mulher diz que foi banida do Tinder por ser “fabulosa demais”

(Foto: Reprodução/Instagram)

Laura Mundy, de 21 anos, decidiu entrar no Tinder para dar “match” em um colega de trabalho. A britânica também tinha como objetivo encontrar um novo amor. Os planos da jovem foram interrompidos após o aplicativo de relacionamentos banir sua conta.

Em um relato feito ao jornal “Daily Mail”, a mulher diz acreditar que sua conta foi banida por ter recebido uma grande quantidade de mensagens que diziam que ela era “boa demais para ser verdade”. Com o sucesso, Mundy decidiu assinar uma conta “Premium”, que custa cerca de 7,99 libras, o equivalente a R$ 45,99.

Porém, a jovem foi surpreendida ao perceber que havia sido banida pelo aplicativo. O programa não permitiu que ela respondesse as mensagens recebidas,  fazendo ela acreditar que o motivo da sua exclusão teria sido por ser “fabulosa demais”

Laura afirmou ter entrado no aplicativo com a intenção de encontrar alguém para namorar, já que com seus amigos a tática funcionou. No entanto, ela recebia com frequência mensagens que a acusavam de ser fake, ou insinuações de que suas fotos eram de outra pessoa. A jovem ficou chateada porque acredita que hoje a maioria dos relacionamentos começa nos aplicativos ou nas mídias sociais.

 

(Foto: Reprodução/Instagram)

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *