Leituras da Bel

Inscrições abertas para o Prêmio São Paulo de Literatura

Da esquerda para direita: Beatriz Bracher, Marcelo Maluf e Rafael Gallo. (Foto: Marcelo Nakano/Divulgação)

Uma das premiações mais relevantes do País está com inscrições abertas até o dia 20 de abril. O Prêmio São Paulo de Literatura recebe candidatura de romances nas categorias “Melhor Livro do Ano” e “Melhor Livro do Ano – Autor Estreante” – esta última dividida em duas modalidades “Autores com Mais de 40 Anos de idade” e “Autores com Menos de 40 Anos de idade”. Serão distribuídos R$ 400 mil entre os três vencedores. O concurso é promovido anualmente pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo. Essa é a décima edição do prêmio, que é o maior do Brasil em valor individual para o autor.

“Com a premissa de incentivar a leitura, a produção e a difusão literária, o Prêmio São Paulo de Literatura contribui para a formação de novos leitores e escritores, sendo um dos poucos no país a ter categoria específica para estreantes. Também se destaca por reconhecer os grandes nomes e os novos talentos da literatura contemporânea, abrindo portas não só para escritores nacionais, mas também para concorrentes estrangeiros com obras escritas originalmente em língua portuguesa e primeira edição mundial no Brasil em 2016. Abrangendo obras de ficção, no gênero romance, o Prêmio São Paulo de Literatura é o maior do país em valor de premiação individual: R$ 200 mil para o Melhor Livro do Ano e R$ 100 mil para cada autor estreante nas submodalidades +40 e -40″, aponta material de divulgação veiculado pela organização do Prêmio São Paulo de Literatura.

As inscrições devem ser feitas pelo autor ou editora da obra através de entrega de documentação. As fichas de inscrição, os modelos de declaração e o edital completo estão disponíveis aqui! É necessário o envio de 13 exemplares da obra.

Criado em 2008 pelo Governo do Estado de São Paulo, o Prêmio São Paulo de Literatura é o maior do País em valor individual e tem como principais objetivos incentivar a produção literária de qualidade, apoiar e valorizar novos autores e editoras independentes, além de incentivar a leitura. O prêmio teve participação de mais de 1.700 livros e premiou 22 romances, contribuindo de forma decisiva para dar visibilidade não só às obras vencedoras, mas também aos trabalhos finalistas. No ano passado, Anatomia do Paraíso, de Beatriz Bracher, ganhou o prêmio principal, enquanto Marcelo Maluf (A Imensidão Íntima dos Carneiros) e Rafael Gallo (Rebentar) foram contemplados na categoria Estreantes. A escritora cearense Tércia Montenegro foi uma das finalistas.

Serviço
Informações e inscrições:
http://www.premiosaopaulodeliteratura.org.br/

 

Recomendado para você